Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/5660
Título: Modelagem computacional e análise da salinização dos aqüíferos na área central de Recife
Autor(es): Luiz Ribeiro de Paiva, Anderson
Palavras-chave: Salinização; Águas subterrâneas; Recursos hídricos
Data do documento: 2004
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Luiz Ribeiro de Paiva, Anderson; Joaquim da Silva Pereira Cabral, Jaime. Modelagem computacional e análise da salinização dos aqüíferos na área central de Recife. 2004. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2004.
Resumo: As águas subterrâneas constituem importante fonte de água para exploração, efetiva ou como reserva estratégica, regional e local, necessitando de conservação. Porém, a qualidade das águas subterrâneas é susceptível de ser afetada pelas atividades sócio-econômicas, designadamente pelos usos e ocupações do solo, provocando contaminação das águas subterrâneas que está se tornando cada vez mais comum. Atualmente, um dos problemas de contaminação que mais tem ocorrido no mundo é a salinização, principalmente nas regiões litorâneas. A contaminação é, na generalidade das situações, persistente, já a recuperação da qualidade dessas águas é, em regra, muito lenta e difícil. A proteção das águas subterrâneas constitui, assim, um objetivo da maior importância, no quadro de um desenvolvimento equilibrado e duradouro. A Região Metropolitana do Recife (RMR), atualmente, apresentando uma população de cerca de três milhões de habitantes, tem uma demanda de água de aproximadamente 14m3/s. Da demanda total, cerca de 8m³/s é atendida por mananciais de superfície, enquanto que 6,0m3/s é obtida pela explotação de água subterrânea. A população da RMR tem utilizado as fontes de água subterrânea como forma de suprir o déficit do abastecimento público, principalmente nos períodos de seca. O aumento do teor de sais nos aqüíferos da RMR tem sido uma preocupação desde a década de 70. Vários poços perfurados são abandonados ou desativados após constatada a salinização. Com a crise no abastecimento de água da RMR, alguns anos atrás, pelo colapso dos mananciais de superfície, a perfuração de poços foi intensificada, agravando ainda mais a vulnerabilidade do sistema aqüífero. A condição de super-explotação do sistema e o conseqüente rebaixamento dos níveis potenciométricos provocam a inversão dos gradientes hidráulicos que induz o fluxo do mar em direção ao continente. Além disso pode haver também a contaminação vertical, proveniente das camadas superiores salinizadas. O presente trabalho focaliza como área de estudo a região central da planície de Recife na faixa delimitada pelas coordenadas UTM 9107000 a 9112000 Norte e 289000 a 293500 Leste. Foram levantadas várias informações de poços perfurados nesta região, dos quais foram extraídos dados para construção de seções litológicas,mapas de potenciometria, dados de análise química, mapa de superfície do terreno, além de tabelas de vazões, profundidade, e número de poços por bairros. Também foram obtidas análises hidroquímicas, realizadas análises de perfis litológicos para verificar a descontinuidade do aqüitardo, além de análises de isótopos, para a caracterização da fonte de salinização. Foi feita também uma modelagem computacional da área para melhor entendimento do regime de fluxo nos aqüíferos. O rio Capibaribe, no seu trecho final na planície de Recife, apresenta elevado teor de sais durante a preamar nos meses de pouca chuva. Justamente nesses meses ocorre o bombeamento com mais intensidade, o que induz a recarga do aqüífero superior com água salinizada do rio, e em seguida passa a existir a contaminação do aqüífero inferior, devido a propagação vertical pela descontinuidade do aqüitardo ou pelos poços mal construídos ou abandonados. É necessário um contínuo acompanhamento dessas águas, a fim de se ter um controle e melhor avaliação dos processos de salinização que estão ocorrendo na RMR
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/5660
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Engenharia Civil

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo6291_1.pdf11,02 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.