Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/5638
Título: Estudo da qualidade da água no reservatório de Itaparica localizado na Bacia do Rio São Francisco
Autor(es): Lira de Melo, Gustavo
Palavras-chave: Reservatório de Itaparica; Qualidade da água; Monitoramento; semi-árido
Data do documento: 2007
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Lira de Melo, Gustavo; do Carmo Martins Sobral, Maria. Estudo da qualidade da água no reservatório de Itaparica localizado na Bacia do Rio São Francisco. 2007. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2007.
Resumo: O reservatório de Itaparica, localizado entre os Estados de Pernambuco e Bahia, na região fisiográfica chamada Submédio São Francisco, foi construído em 1987 com a finalidade prioritária de geração de energia. Contudo, apresenta usos múltiplos como abastecimento público e industrial, irrigação, piscicultura, pecuária, navegação, turismo e lazer. Observa-se a utilização inadequada do seu entorno, com perímetros irrigados utilizando-se prática agrícola inadequada, com utilização de agroquímicos e ocupações irregulares, com lançamento de efluentes sem tratamento diretamente no reservatório. Este trabalho teve como objetivo avaliar a qualidade da água no reservatório de Itaparica a partir do seu monitoramento e da utilização de fontes bibliográficas, no intuito de propor melhorias à gestão do reservatório e, conseqüentemente, dos recursos hídricos na região do semi-árido pernambucano. Este estudo analisou parâmetros físico-químicos, biológicos e bacteriológicos de diferentes monitoramentos já realizados no reservatório. As ocupações irregulares no entorno do reservatório e a degradação da área de preservação permanente vem contribuindo para a deterioração da qualidade da água. Constatou-se, que houve uma degradação da qualidade da água no decorrer dos anos, encontrando-se o reservatório de Itaparica em processo de eutrofização, com concentrações de fósforo total, clorofila-a, oxigênio dissolvido e coliformes fora dos padrões estabelecidos na Resolução CONAMA nº 357/ 2005 e na Portaria 518/ 2004 do Ministério da Saúde. O lançamento de efluentes das cidades localizadas no entorno do reservatório, o aporte de matéria orgânica e de sedimentos dos rios São Francisco e o uso de agroquímicos na agricultura são as principais fontes de contaminação da água do reservatório de Itaparica. Faz-se importante, a implementação de ações de controle e de redução de aporte de efluentes (domésticos, industriais e da agricultura) e de proteção das áreas de preservação permanente. Torna-se necessário um aumento da freqüência de amostragem de dados da qualidade da água, devendo incluir novos pontos de amostragem para uma melhor avaliação da eutrofização das águas do reservatório
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/5638
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Engenharia Civil

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo6270_1.pdf3,35 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.