Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/5405
Título: Modelagem numérica com acoplamento hidro-mecânico da reconstrução, enchimento e comportamento da barragem de Açú/RN após o acidente no final de construção
Autor(es): George Magalhães Moreno, Marcos
Palavras-chave: Modelagem numérica;Barragens de terra;Solos não saturados
Data do documento: 31-Jan-2011
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: George Magalhães Moreno, Marcos; José do Nascimento Guimarães, Leonardo. Modelagem numérica com acoplamento hidro-mecânico da reconstrução, enchimento e comportamento da barragem de Açú/RN após o acidente no final de construção. 2011. Tese (Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2011.
Resumo: No presente trabalho estudou-se a simulação acoplada hidro-mecânica da re-construção, enchimento e comportamento da Barragem de Açú/RN, devido ao acidente ocorrido no final do ano de 1981, quando o reservatório se encontrava vazio. Trata-se de um caso interessante de engenharia de ruptura do talude de montante em final de construção. A barragem de terra de Açú, também conhecida como Açude Engenheiro Armando Ribeiro Gonçalves, está localizada na zona rural do município de Açú, no estado do Rio Grande do Norte, distante 250 km da capital Natal, com acesso pela BR 304. O objetivo desta tese é simular numericamente a reconstrução da barragem, avaliando o seu comportamento mecânico e hidráulico ao longo do seu processo construtivo, enchimento do reservatório e ao longo de 13 anos de instrumentação, comparando os dados obtidos na simulação através do acoplamento Hidro-Mecânico, com os dados de leitura dos instrumentos instalados no maciço e fundação da barragem. A ferramenta de trabalho utilizada na modelagem numérica foi o programa computacional CODE_BRIGHT (COupled DEformation and BRine, Gas and Heat Transport) no processo e no pré e pós-processo foi utilizado o GID que foi desenvolvido pelo CIMNE (Centro Internacional para Métodos Numéricos em Engenharia). Os resultados obtidos na modelagem numérica para a construção do maciço, assim como o comportamento da barragem, quando do primeiro enchimento do reservatório, foram bastante consistentes. As análises numéricas apresentaram bons resultados, como os deslocamentos verticais registrados pelos tassômetros e as medidas de poro pressão e sub pressão, respectivamente, no maciço e fundação da barragem e a evolução da pressão de pré-adensamento, que nos dá uma idéia do colapso que o maciço sofreu
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/5405
Aparece na(s) coleção(ções):Teses de Doutorado - Engenharia Civil

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo7114_1.pdf7,53 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.