Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/5323
Title: Potencial arranjo produtivo de tecnologia da informação do Estado de Alagoas: uma análise sob a perspectiva da competitividade sistêmica
Authors: BARRETO, Renata Reis
Keywords: Arranjos produtivos locais; Aglomerados; Competitividade sistêmica; Tecnologia da informação
Issue Date: 31-Jan-2008
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Reis Barreto, Renata; Benzaquen Sicsu, Abraham. Potencial arranjo produtivo de tecnologia da informação do Estado de Alagoas: uma análise sob a perspectiva da competitividade sistêmica. 2008. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2008.
Abstract: As profundas e constantes mudanças ocorridas no ambiente sócio-econômico dos países, um dos resultados do processo de globalização da economia, trouxeram diversos desafios para as organizações que procuram ser competitivas no mercado. Ao lado desses desafios surgem discussões sobre modelos de estruturas organizacionais capazes de alavancar o desenvolvimento regional. Nesse sentido, os Arranjos Produtivos Locais despontam como configurações que proporcionam o aumento da competitividade e da capacidade inovativa das empresas locais. Esta dissertação teve como objetivo analisar, através de um estudo de caso, o aglomerado de Tecnologia da Informação do Estado de Alagoas e seus potenciais, a partir da perspectiva da competitividade sistêmica e de acordo com a visão dos empresários participantes do nível micro. Para isso, foi utilizado o modelo elaborado por Esser et al. (1994) para o Instituto Alemão de Desenvolvimento (IAD). Por meio de entrevistas semiestruturadas com alguns empresários que participam do aglomerado foi possível descrever o estado atual do arranjo, compreender os aspectos competitivos dentro de cada nível da análise sistêmica (nível micro, meso, macro e meta) e identificar as articulações entre os atores sociais envolvidos no processo de formação do APL. Os resultados indicaram que os atores envolvidos no aglomerado apresentam um nível significativo de articulação e cooperação, o que faz com que o mesmo caminhe na direção de sua consolidação como um APL. Nesse sentido, o presente estudo propôs algumas ações direcionadas a estimular tal consolidação
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/5323
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Engenharia de Produção

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo3979_1.pdf2.09 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.