Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/515
Título: Características e análise da Rede de Capacitação Tecnológica do Setor Eletro-Metal-Mecânico Pernambucano para atendimento à construção naval : um estudo exploratório acerca do seu processo de formação
Autor(es): VIDAL, Raphaela Maria de Castro e Silva
Palavras-chave: Pernambuco; Rede; Capacitação Tecnológica; Estaleiro Atlântico Sul
Data do documento: 31-Jan-2009
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Maria de Castro e Silva Vidal, Raphaela; André Mendes Primo, Marcos. Características e análise da Rede de Capacitação Tecnológica do Setor Eletro-Metal-Mecânico Pernambucano para atendimento à construção naval : um estudo exploratório acerca do seu processo de formação. 2009. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Administração, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2009.
Resumo: A indústria naval brasileira retoma suas atividades com a movimentação da Petrobrás promovendo lotes de licitação para fabricação de embarcações, privilegiando a indústria nacional, já que considera índice de nacionalização de 65% de peças e serviços. Neste cenário, surge o Estaleiro Atlântico Sul, o qual se encontra instalado em Pernambuco, Brasil, e a expectativa de reestruturação de toda uma malha de fornecimento para atender à construção naval. O Estado de Pernambuco não possui experiência no setor naval e necessitará de uma rápida movimentação dos principais atores em busca de capacitação tecnológica, que pode ser alcançada a partir da formação de rede de empresas dirigidas a esse fim. Desta forma, o estudo visa caracterizar e analisar a rede de capacitação tecnológica do setor eletro-metal-mecânico direcionada à construção naval, utilizando a abordagem teórica de Casas (2001) e Hoffmann, Molina-Morales e Martinez-Fernandez (2004). De acordo com os objetivos, a pesquisa é exploratória e descritiva. A coleta de dados foi baseada em entrevistas semi-estruturadas, análise documental e observação participante. O processo de análise de conteúdo seguido nesta pesquisa está orientado pelos pressupostos disseminados por Bardin (2004). Os resultados evidenciam que a rede é dispersa, heterogênea, podendo destacar a atuação do SIMMEPE como nó de controle. É híbrida quanto à formalização e possui interação e fluxo de informações. Contudo, não se encontra suficientemente sedimentada para atender à demanda no curto prazo, necessitando de mais tempo para alcançar a eficácia
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/515
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Administração

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo1068_1.pdf1,16 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.