Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/501
Title: Distribuição espacial e taxonomia da família Ironidae de Man, 1876 ( Nematoda, Enoplida) no talude da Bacia de Campos, Rio de Janeiro, Brasil
Authors: de Cássia Coelho Lima, Rita
Keywords: Mar profundo; Nematoda; Taxonomia; Syringolaimus; Thalassironus
Issue Date: 31-Jan-2008
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: de Cássia Coelho Lima, Rita; Gomes da Fonseca Genevois, Verônica. Distribuição espacial e taxonomia da família Ironidae de Man, 1876 ( Nematoda, Enoplida) no talude da Bacia de Campos, Rio de Janeiro, Brasil. 2008. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Biologia Animal, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2008.
Abstract: Este trabalho é parte integrante do projeto Caracterização Ambiental da Bacia de Campos , CENPES-PETROBRAS, no qual a Taxonomia e Ecologia da nematofauna de mar profundo são investigadas. No presente estudo verifica-se a distribuição espacial e a Taxonomia da Família Ironidae de Man, 1876. As coletas foram realizadas em duas Campanhas Oceanográficas a bordo do navio oceanográfico Professor Besnard. Um total de 44 estações foram amostradas ao longo de 9 transectos, considerando-se 5 profundidades (750m, 1050m, 1350m, 1650m e 1950m), nas áreas Norte e Sul da Bacia de Campos e nos dois estratos sedimentares prospectados (0-2 e 2-5cm). A Família Ironidae esteve representada pelos Gêneros Syringolaimus, Thalassironus e por um novo Gênero. Dentre estes, Syringolaimus foi o mais abundante e apresentou quatro novas espécies, cuja diversidade morfológica da cauda serviu como critério para estabelecer diferenças entre os novos táxons. Syringolaimus sp. nv. 1 foi a espécie mais representativa (93%) e ocorreu em todas as profundidades, ao Norte e ao Sul da Bacia de Campos e nos dois estratos sedimentares (0-2 e 2-5cm) e para esta foi detectada a diminuição do tamanho do corpo em função do aumento da profundidade na coluna d água. Thalassironus sp. nv. esteve restrita à área Sul na isóbata de 750m, e distribuiu-se nos dois estratos sedimentares e o Gênero nv. sp. nv. ocorreu na área Sul, a 1950m, no estrato 0-2cm. Foi detectada maior abundância dos espécimes da Família Ironidae na área Sul da Bacia de Campos, na isóbata de 1950m e no estrato sedimentar mais superficial. À exceção de Syringolaimus sp. nv. 1, as demais espécies da Família Ironidae apresentaram distribuição descontínua quanto às áreas, isóbatas e estratos sedimentares
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/501
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Biologia Animal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo1211_1.pdf6.25 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.