Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/491
Título: A Influência do Colégio dos Jesuítas na Configuração da Mallha Urbana de Salvador-BA (1549-1760)
Autor(es): Costa, Carlos Alberto Santos
Palavras-chave: Colégio dos Jesuítas;Salvador colonial;espacialidade;história;arquitetura;arqueologia
Data do documento: 2005
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Alberto Santos Costa, Carlos; Martin Souto Maior, Paulo. A Influência do Colégio dos Jesuítas na Configuração da Mallha Urbana de Salvador-BA (1549-1760). 2005. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Arqueologia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2005.
Resumo: O objeto desta pesquisa foi o Colégio dos Jesuítas em Salvador (1549-1760). O problema inicial consistiu na verificação da existência de um choque de ideais de ocupação espacial, português e jesuíta, na formação da cidade. Buscou-se verificar se ocorreu a convergência destes dois ideais, como foram absorvidos e quais os seus desdobramentos na ocupação espacial da malha urbana. Para a análise desta hipótese serviram os estudos das normas de instalação das cidades na América do Sul, demonstrando como se configuraram aquelas fundadas pela Espanha e por Portugal. Observaram-se também as normas de instalação dos colégios jesuítas e, com este corpus informativo, procurou-se compreender o objeto de estudo. Teve-se como base factual à pesquisa: documentos históricos escritos, iconográficos, arqueológicos e arquitetônicos. Entendendo o colégio como empreendimento da Companhia de Jesus, foram analisados três períodos deste complexo: 1º- 1549-1561, apreendeu-se dados referentes à aquisição, posse e instalação; 2º- 1561-1657, tratou-se da construção e localização, compreendendo a organização interna e demonstrando um modelo de ocupação para a atual Praça da Sé; 3º- 1654-1760, abordou-se a reconstrução do colégio, apresentando seu novo programa arquitetônico e outro modelo de ocupação à Praça. Finalmente, demonstrou-se que existiu uma estreita relação entre os espaços da cidade e do colégio, possibilitando concluir que os jesuítas induziram a formação da malha urbana de Salvador numa parte do setor administrativo, através da instalação do colégio
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/491
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Arqueologia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo2308_1.pdf5,85 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.