Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/4878
Title: As representações de gestão democrática dos dirigentes de escolas públicas: um estudo na rede municipal do Recife
Authors: de Andrade Correia, Marcílio
Keywords: Representação social;Participação política;Gestão democrática
Issue Date: 31-Jan-2011
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: de Andrade Correia, Marcílio; Rosa Marques, Luciana. As representações de gestão democrática dos dirigentes de escolas públicas: um estudo na rede municipal do Recife. 2011. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2011.
Abstract: O presente estudo tem como objeto as representações de diretores e diretoras das escolas públicas municipais da cidade do Recife-PE sobre a gestão democrática da escola. A pesquisa desenvolvida junto às escolas de 1º ao 4º ciclos foi alicerçada na teoria das representações sociais desenvolvida por Sérge Moscovici e Jodelet. Os objetivos estabelecidos para este estudo foram: 1- Identificar as representações sobre gestão democrática expressas por diretores e diretoras de escolas públicas municipais da Cidade do Recife/PE. 2 Compreender como eles percebem a participação dos demais segmentos da comunidade escolar na gestão da escola. Procuramos perceber, na pesquisa, de que forma os alicerces, as crenças e os símbolos historicamente construídos e consolidados sobre a gestão democrática apresentam novos sentidos e significados no contexto atual. Para isso, a tarefa empreendida por essa pesquisa foi verificar como as representações sociais penetram na trama das experiências objetivas e modelam comportamentos e relações de geração a geração, ao longo do tempo e dos novos desafios que o contexto histórico apresenta em cada momento. A Teoria das Representações Sociais proposta por Moscovici (1978) pareceu-nos um caminho promissor para atingir tal propósito, uma vez que ela busca relacionar processos cognitivos e práticas sociais, recorrendo aos sistemas de significação socialmente elaborados. Com esse intuito, entrevistamos 14 dirigentes de escolas da Rede Municipal do Recife, além de debruçarmo-nos em um volume significativo de documentos e da bibliografia que tratam do objeto de nosso estudo. Finalmente, concluímos nosso estudo confirmando nossa hipótese inicial: ficou evidente que os novos debates apresentados no cenário político brasileiro, particularmente pelos setores da esquerda e dos movimentos sociais, interferiram nas representações em estudo e que, de certa forma, os alicerces das crenças e dos símbolos historicamente construídos e consolidados sobre a gestão democrática apresentam novos sentidos e significados para os dirigentes no contexto atual
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/4878
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo8956_1.pdf692.27 kBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.