Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/4746
Título: A prática pedagógica do professor de Geografia no ensino dos conteúdos cartográficos
Autor(es): SOUZA, Sônia Magali Alves De
Palavras-chave: Prática Pedagógica do Professor de Geografia
Data do documento: 2002
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Magali Alves De Souza, Sônia; Batista Neto, José. A prática pedagógica do professor de Geografia no ensino dos conteúdos cartográficos. 2002. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2002.
Resumo: O tema da presente pesquisa é a prática pedagógica do professor de Geografia no ensino de cartografia na 5ª série do ensino fundamental. A cartografia é um meio de transmissão de informações objetivando a análise das relações que ocorrem no espaço geográfico. A análise dessa prática pedagógica baseou-se em seus elementos constituintes como: objetivos de ensino dos conteúdos cartográficos, conteúdos cartográficos ensinados, desenvolvimento metodológico (tratamento dos conhecimentos prévios dos alunos, relação entre os conteúdos ensinados e as experiências sociais dos alunos no cotidiano, atividades de ensino dos conteúdos cartográficos), tempo pedagógico consumido, avaliação da aprendizagem e reensino. Esses elementos foram selecionados a partir de uma abordagem metodológica qualitativa utilizando como instrumentos a entrevista semiestruturada com professores de Geografia, a observação das aulas referentes aos conteúdos cartográficos e o jornal de campo. Os dados coletados nas observações e nas entrevistas da prática pedagógica nos levaram a propor modelos de ensino/aprendizagem. Esses modelos são identificados na prática de ensino às quais demos o nome de: ensino/aprendizagem reprodutivo , espontaneísmo didático e esboço do ensino/aprendizagem significativo . O tipo de prática denominada de ensino/aprendizagem reprodutivo tem como principal característica a aprendizagem memorística, onde os materiais de aprendizagem são ordenados exclusivamente de acordo com a lógica da disciplina, induzindo e reforçando uma atividade de repasse verbal esperando sua correta reprodução. No tipo espontaneísmo didático , o processo de ensino/aprendizagem caracteriza-se também num modelo memorístico, mas esquecendo da estrutura da disciplina, favorecendo o espontaneísmo na aprendizagem do aluno. No tipo de prática apresentada como esboço do ensino/aprendizagem significativo encontramos uma combinação da aprendizagem memorística com a aprendizagem significativa, onde em determinados momentos observamos a utilização de metodologias que relacionavam aprendizagens com as experiências, com os fatos e com os objetos do real, ou seja, relacionavam os conhecimentos novos com as aprendizagens anteriores, e em outros momentos as metodologias geravam nos alunos uma orientação passiva tornando os esforços posteriores mais difíceis de orientá-los para a compreensão
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/4746
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Educação

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo5858_1.pdf295,64 kBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.