Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/4671
Título: O espírito de (in)tolerância na república laica; um olhar na formação da(o)s aluna(o)s-mestres da Escola Normal de Pernambuco (1890-1915)
Autor(es): SILVA, Andrea Carla Agnes e
Palavras-chave: Educaçã o, República; Estado; Igreja; Laiciza ção
Data do documento: 2005
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Carla Agnes e Silva, Andrea; Rejane Accioly Sellaro, Lêda. O espírito de (in)tolerância na república laica; um olhar na formação da(o)s aluna(o)s-mestres da Escola Normal de Pernambuco (1890-1915). 2005. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2005.
Resumo: Este estudo trata das rela ›es entre a Igreja e o Estado, pela an‡lise do processo de laiciza ‹o do ensino, no Brasil, estabelecido pelo Art. † 72 da Constituição de 1891. Enfoca a laiciza ‹o do ensino pœblico, comparando a organiza ‹o do curr’culo da Escola Normal de Pernambuco (ENP), antes e ap—s a Constitui ‹o, bem como as repercuss›es do fato, entre as pessoas mais diretamente envolvidas no processo de mudan as, destacando aspectos do esp’rito de (In)Toler‰ncia presente na Repœblica. A defini ‹o do per’odo se justifica por incluir o momento de implanta ‹o do novo regime, marcado pela quebra do Padroado e pela laiciza ‹o do ensino. Entre as fontes utilizadas est‹o: a legisla ‹o, Cartas pastorais, registros de confer ncias pedag—gicas, revistas e jornais da Žpoca, analisadas na perspectiva da Nova Hist—ria, com o intuito de reconstruir aspectos relevantes do tema, nesse per’odo, pelo cruzamento das informa ›es obtidas. Em meio a mudan as econ™micas, pol’ticas e s—cio-culturais, a Repœblica anuncia novas preocupa ›es com a educa ‹o, inspiradas no positivismo, no liberalismo e nas ci ncias, cujas idŽias s‹o impulsionadas, tambŽm, pela laiciza ‹o do pa’s e do ensino pœblico. De um ensino formalista dos catecismos religiosos passa-se para um ensino laico, numa dire ‹o cientifica, com mŽtodos e programas modernos. A laiciza ‹o promove ainda a expans‹o do ensino, ao impor a toler‰ncia para todas as convic ›es sinceras, respeito a todos os direitos e a todas as liberdades, abrindo espa o para expans‹o das escolas protestantes e estimulando a Igreja Cat—lica a expandir tambŽm as suas escolas. A intoler‰ncia marca as a ›es da Igreja, em decorr ncia n‹o apenas da laiciza ‹o do ensino, mas, tambŽm de outras perdas, decorrentes da seculariza ‹o dos cemitŽrios, do car‡ter obrigat—rio do casamento civil, da liberdade da profiss‹o religiosa e da exclus‹o do subs’dio ao culto pœblico. O repœdio da Igreja ˆs medidas legais do Estado Ž expresso n‹o s— pelos religiosos, nos jornais cat—licos, como tambŽm nos jornais seculares, por jornalistas e missivistas ligados ao catolicismo.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/4671
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Educação

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo5739_1.pdf6,22 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.