Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/4100
Title: Língua portuguesa: um olhar sobre a abordagem didática da leitura no ensino fundamental
Authors: Maria de Souza Leal Santos, Rosa
Keywords: Texto; Leitura; Ensino de Língua Portuguesa; Linguagem
Issue Date: 31-Jan-2011
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Maria de Souza Leal Santos, Rosa; Suassuna, Lívia. Língua portuguesa: um olhar sobre a abordagem didática da leitura no ensino fundamental. 2011. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2011.
Abstract: O presente estudo surgiu da nossa experiência como professora e formadora de professores de Língua Portuguesa, pela Secretaria de Educação do Estado de Pernambuco, como também a partir da análise dos relatórios do Sistema de Avaliação Educacional do Estado de Pernambuco SAEPE do ano de 2008. Essa avaliação demonstrou que a escola ainda continua com bastantes dificuldades para desenvolver a competência leitora dos alunos do Ensino Fundamental e Médio. A partir de então, emergiram as perguntas: por que um número significativo de alunos não consegue desenvolver as habilidades de leitura no período regular de escolaridade? Por que algumas escolas conseguem e outras, não? O que há de novo em algumas escolas que as faz se destacar em relação a outras? Na perspectiva de compreender esse fenômeno, este trabalho teve como objetivo verificar a abordagem didática da leitura no ensino de língua portuguesa e sua contribuição na formação do leitor proficiente. Para tanto, alguns conceitos básicos foram fundamentais: linguagem como atividade social, defendida por Bronckart (2003) e referendada por Orlandi (1996) e Koch (2009); língua como construção social, histórica e cognitiva, situada em eventos de interação, tal como colocada por Geraldi (2003) e Koch e Elias (2009); leitura/leitor como sujeito agente e produtor de sentidos, como postulado por Kleiman (2004) e Rojo (2004); texto como unidade de sentido contextualmente situada, conforme Guimarães (2009) e Orlandi (2006). Neste estudo, adotamos também os conceitos de: gênero do discurso como tipos relativamente estáveis de enunciados, que refratam as condições sob as quais a comunicação é realizada nos diversos contextos (Bakhtin, 1997 e Marcuschi, 2003); análise crítica do discurso enquanto modelo teórico de análise do uso da linguagem como prática social, com base em Faiclough e Meurer (2002); letramento enquanto instrumento de reflexão das práticas de leitura e escrita na escola, conforme Soares (2003), Kleiman (1995), Moraes (2005) e Albuquerque (2002); sequência didática como procedimento metodológico para o estudo dos gêneros textuais (Schneuwly, Dolz e seguidores, 2004); e, finalmente, estratégias de leitura como procedimentos de processamento do texto e construção dos sentidos (Solé, 2004 e Kleiman, 2004). O processo de investigação foi qualitativo e etnográfico, e esteve apoiado, nas teorias enunciativas, discursivas, interacionistas e pragmáticas da linguagem. Observamos a prática de duas professoras durante vinte e quatro dias (doze em um 5º ano e o restante em uma 8ª série), ambas da rede pública de ensino, sendo uma da rede municipal de Camaragibe (PE) e a outra, da rede estadual de Pernambuco. Como resultado deste trabalho, destacamos a comprovação de que, quando o professor tem consciência da natureza e dos modos de funcionamento da linguagem, bem como do seu papel de mediador no processo de aprendizagem dos alunos, agrega maiores condições para atuar em busca de diversos sentidos para a linguagem e organizar as falas em sala de aula, de forma a incentivar a participação, a iniciativa e a cooperação dos alunos e fazendo respeitar as diversas opiniões geradas nos debates sobre os textos lidos
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/4100
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo2544_1.pdf963.15 kBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.