Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/399
Título: Estudos fisiológicos, bioquímicos e moleculares de isolados de Ganoderma lucidum (Fr.) karst. cultivados pela técnica Jun-Cao
Autor(es): ROLIM, Leonardo do Nascimento
Palavras-chave: Cogumelos;Ganoderma lucidum;Jun-Cao;Análises bioquímicas;RAPD
Data do documento: 31-Jan-2009
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: do Nascimento Rolim, Leonardo; Auxiliadora de Queiroz Cavalcanti, Maria. Estudos fisiológicos, bioquímicos e moleculares de isolados de Ganoderma lucidum (Fr.) karst. cultivados pela técnica Jun-Cao . 2009. Tese (Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Biologia de Fungos, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2009.
Resumo: Ganoderma lucidum é um basidiomiceto muito popular na medicina tradicional chinesa, sendo chamado de Lingzhi ou cogumelo da imortalidade . Estudos revelaram diversas propriedades farmacológicas benéficas deste fungo, sugerindo sua utilização como auxiliar em diversos tratamentos contra doenças humanas. Por não ser muito comum na natureza, o cultivo é a melhor maneira de suprir um mercado cada vez mais amplo. Dentre os vários métodos de cultivo existentes para a fungicultura, a técnica Jun-Cao é considerada a mais promissora para a produção de cogumelos em escala que atenda à demanda crescente. Sabendo que a bioquímica de um organismo pode variar entre diferentes linhagens, e entendendo a necessidade de descobrir novas variedades de G. lucidum, para ampliar as opções de cultivo deste fungo, este trabalho buscou comparar linhagens comerciais chinesas com linhagens brasileiras inexploradas de G. lucidum, para avaliar o valor bioquimico destas. Os resultados mostram que o cultivo combinado de madeira com gramínea, na técnica Jun-Cao, foi mais promissor no desenvolvimento das linhagens tanto em redução no tempo de cultivo quanto na qualidade e quantidade dos cogumelos. A linhagem brasileira (CC-144) destacou-se tanto na velocidade de crescimento, quanto na produtividade de basidiomas e na concentração bioquímica de proteínas, carboidratos, β- glucanas e fenóis, superando as chinesas e se mostrando uma opção para a fungicultura. A análise RAPD mostrou distinção genética entre as linhagens, descartando a possibilidade de ocorrência de clones
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/399
Aparece na(s) coleção(ções):Teses de Doutorado - Biologia de Fungos

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
lnr.pdf2,86 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.