Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3594
Título: A evolução do parcelamento do solo na cidade de Maceió entre 1950 e 1970: uma análise dos bairros do Farol, Pinheiro, Pintaguinha e Gruta de Lourdes
Autor(es): Lila Silva Carvalho, Marlise
Palavras-chave: parcelamento do solo; morfologia urbana; desenho da cidade
Data do documento: 2007
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Lila Silva Carvalho, Marlise; Diniz Moreira, Fernando. A evolução do parcelamento do solo na cidade de Maceió entre 1950 e 1970: uma análise dos bairros do Farol, Pinheiro, Pintaguinha e Gruta de Lourdes. 2007. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Urbano, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2007.
Resumo: A dissertação analisa o processo de parcelamento do solo dos bairros do Farol, Pinheiro, Pitanguinha e Gruta de Lourdes, e suas transformações durante o período de 1950 e 1970 na cidade de Maceió. Para tal, foram utilizados conceitos e idéias de autores que trabalharam de forma integrada, morfologia e história urbana, como Aldo Rossi, Kevin Lynch e Spiro Kostof. Estes autores têm em comum o fato de trabalharem sobre formas urbanas historicamente consolidadas, geralmente a cidade européia, ou seja, realidades urbanas diferentes daquela observada no Brasil do século XX, marcada por um crescimento rápido sobre terras periféricas. Partimos da hipótese de que estes conceitos de forma urbana, mesmo formulados em contextos diferentes, podem ser utilizados para analisar a área em estudo. Tal área caracteriza-se por apresentar particularidades físicas relacionadas principalmente com a topografia local e com a forma de crescimento da cidade, sobretudo a partir da década de 1950. Como forma de demonstrar o desenvolvimento e a ocupação da área, bem como a exploração imobiliária daí decorrente, optou-se por selecionar os projetos de loteamentos aprovados pela Prefeitura Municipal de Maceió durante o período em questão e implantá-los na malha da cidade, obtendo-se como resultado o movimento de expansão e as formas de ocupação do local, realizados principalmente com a finalidade de garantir novas áreas para habitação. Como parte dos dados levantados, também destacam-se o estudo histórico da evolução urbana de Maceió e a análise formal dos 47 projetos de parcelamento, baseada nas principais características dos empreendimentos. Nesta etapa foram observadas características importantes a respeito dos projetos aprovados, como classes de tamanho, forma e traçado, chegando-se a uma síntese que fosse capaz de representar as características básicas encontradas na maior parte dos projetos. A partir da reunião desses dados e do estudo dos principais métodos de leitura da cidade utilizados pelos autores já citados, foi feita uma análise sobre o mapa de implantação de projetos. Por meio deste foi possível confirmar a tendência de expansão da cidade na direção norte, como previsto no estudo histórico, e perceber que a ocupação da área pelos loteamentos apresentou diversas mudanças relacionadas a características sociais e econômicas destacadas. Um exemplo dessa afirmação é a mudança de uso observada às margens da Avenida Fernandes Lima, transformando este local em um importante corredor comercial e gerando diversas alterações tipológicas e morfológicas na área. A avenida destacou-se no estudo de evolução dessa área também por orientar de maneira diferente a definição da forma e o padrão de implantação dos parcelamentos. Nas proximidades da via concentraram-se durante o período, pequenos empreendimentos que acompanharam as mudanças decorrentes do novo uso, e apenas no interior dos bairros ainda é possível confirmar o tipo predominante de edificação de toda a área: a habitação
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3594
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Desenvolvimento Urbano

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo5482_1.pdf9,19 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.