Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3479
Title: A crítica da arte e a exposição das diferenças: Os efeitos da crítica jornalística no processo social da legitimação da produção artística de João Câmara Filho.
Authors: Nunes de Souza e Silva, Tathianna
Keywords: João Câmara Filho;Crítica de arte;Campo de produção cultural;Regionalismo;Cosmopolitismo
Issue Date: 2006
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Nunes de Souza e Silva, Tathianna; Freire Prysthon, Ângela. A crítica da arte e a exposição das diferenças: Os efeitos da crítica jornalística no processo social da legitimação da produção artística de João Câmara Filho.. 2006. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Comunicação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2006.
Abstract: Que critérios inspiram os julgamentos de uma obra de arte? A que código se referem estes valores? Quem julga e consagra em meio ao caos da produção cultural? Estes são alguns dos questionamentos que norteiam este estudo. A intenção, aqui, é tentar compreender até que ponto ou de que forma a crítica de arte, veiculada em jornais e revistas especializadas de âmbito nacional, contribuiu e participou dos processos da construção da imagem do pintor paraibano João Câmara Filho no campo brasileiro de produção artística. Considerando que o reconhecimento e a consagração são frutos de um processo social, a presente dissertação procura observar a relação entre alguns agentes sociais, que, mesmo atuando neste estudo de forma secundária, possuem força e legalidade no interior do campo de produção artística e exerceram, assim, um papel significativo (seja de cooperação ou de conflito) na inserção do nome João Câmara Filho entre os maiores nomes da pintura nacional. Para tanto, a teoria da produção artística de Pierre Bourdieu aparece aqui como o grande eixo teórico deste estudo. Finalmente, à medida que o corpus era analisado vozes dissonantes da crítica nacional reabriam um debate no interior do campo brasileiro de produção artística: cosmopolitismo da vanguarda versus regionalismo da arte brasileira. A produção cultural da periferia e o debate da crítica sobre ela inserem, nesta pesquisa, conceitos de identidade frente ao processo de globalização
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3479
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Comunicação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo4746_1.pdf9.58 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.