Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3372
Título: Modelagem de Parâmetros Biofísicos para Avaliação de Risco à Desertificação
Autor(es): Leandro Lopes, Helio
Palavras-chave: Degradação; Sensoriamento remoto; Parâmetros biofísicos; Potencial natural de erosão
Data do documento: 2005
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Leandro Lopes, Helio; Lucia Bezerra Candeias, Ana. Modelagem de Parâmetros Biofísicos para Avaliação de Risco à Desertificação. 2005. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Ciências Geodésicas e Tecnologia da Geoinformação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2005.
Resumo: A integração de ações sustentáveis conciliando programas sociais, ambientais e econômicos são de vital importância em áreas com risco à desertificação. Esta pesquisa mostra a aplicação de parâmetros biofísicos e potencial de erosão na avaliação de processos degradatórios e identificação destas áreas de risco. É uma abordagem geral e pode ser utilizada em outras áreas. O modelo desenvolvido está baseado nos parâmetros: albedo, emissividade, temperatura, ndvi e fluxo de calor no solo, e erosividade, erodibilidade e LS (declividade e comprimento de rampa) e foi implementado na Linguagem LEGAL (SPRING 4.0 - INPE). Foram utilizadas também, imagens multitemporais dos sensores TM e ETM+ nas épocas de seca e chuva. Em seguida, todos os parâmetros foram calculados e analisados para determinar áreas mais prováveis ao risco de desertificação. A bacia do Rio Brígida em Pernambuco, Brasil, foi a área de estudo escolhida. Nesta bacia encontra-se a região do Araripe, que é conhecida pela exploração do gesso, agricultura de sequeiro, extração de lenha, que acarreta uma sobrecarga nos recursos naturais da Região. Com os resultados obtidos pelo modelo e confirmados em campo, é possível ter visão geral do crescimento, tanto de intensidade, quanto de avanço no grau de risco à desertificação. Finalmente, sugere-se, em trabalhos futuros, o estudo da interligação do modelo com o estado físico, químico e biológico, principalmente com o carbono que rege o equilíbrio do solo
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3372
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Ciências Geodésicas e Tecnologias da Geoinformação

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo4918_1.pdf9,06 MBAdobe PDFVer/Abrir
arquivo4918_2.pdf7,4 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.