Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3296
Título: Caminhando juntos: o planejamento estratégico e a conservação integrada no início do século XXI em Sobral (CE)
Autor(es): de Carvalho Nogueira Domingues, Jacqueline
Palavras-chave: Planejamento estratégico;Planejamento estratégico do turismo;Conservação urbana integrada;Recuperação do patrimônio histórico;Sustentabilidade
Data do documento: 31-Jan-2010
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: de Carvalho Nogueira Domingues, Jacqueline; Lacerda Gonçalves, Norma. Caminhando juntos: o planejamento estratégico e a conservação integrada no início do século XXI em Sobral (CE). 2010. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Urbano, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2010.
Resumo: No Brasil, diversos centros históricos tombados enfrentam o problema da degradação e da ausência de políticas de desenvolvimento que resultem na sua conservação. Essas áreas possuem vocação para o turismo, embora sejam vulneráveis aos impactos negativos que o aumento do fluxo de visitantes pode acarretar sobre elas. Em cidades históricas e turísticas, é necessário que haja o planejamento adequado dessa atividade. O tipo de planejamento turístico selecionado para estudo nesta dissertação é o planejamento estratégico, que tem como base metodológica o planejamento estratégico urbano. O principal objetivo da pesquisa é verificar se o Planejamento Estratégico do Turismo contribui para a Conservação Urbana dos centros históricos , compreendendo se essas duas ferramentas do planejamento urbano podem caminhar juntas , resultando em desenvolvimento para as cidades. O município de Sobral (CE) sofreu significativas intervenções de recuperação do patrimônio histórico na última década, tendo algumas dessas ações origem no Plano Estratégico de Desenvolvimento do Turismo de Sobral (PEDTS), elaborado em 2001, razão por que a experiência foi escolhida como estudo de caso. O método de pesquisa escolhido foi o estudo de caso do tipo exploratório com vistas a identificar o que foram e como ocorreram as mencionadas intervenções. A pesquisa de campo realizada, que abrangeu a observação direta dos resultados dessas ações na área histórica, a coleta de informações em arquivos e de entrevistas, permitiu verificar que o PEDTS apresentou a convergência de alguns princípios da conservação integrada e foi relevante porque o documento mostrou a intenção de realizar importantes projetos de recuperação patrimonial em Sobral. Esse processo de planejamento estratégico do turismo foi considerado eficaz e legítimo, embora tenha sido pouco eficiente por conta dos altos investimentos e do baixo retorno econômico-financeiro alcançado pelas intervenções. Aspectos como sustentabilidade ambiental e sobretudo social foram atendidos, embora o viés econômico da sustentabilidade tenha sido prejudicado. Em Sobral, o planejamento estratégico do turismo e a conservação urbana integrada funcionaram como instrumentos complementares e proporcionaram não apenas a melhoria do espaço urbano do sítio histórico mas também a criação de oportunidades de inclusão social, o que resultou em desenvolvimento para o município
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3296
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Desenvolvimento Urbano

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo277_1.pdf4,17 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.