Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3263
Título: Modelagem de Dados Espaciais para Controle da Leishmaniose visceral
Autor(es): Karoline Silva Paixão, Silvane
Palavras-chave: Sistemas de Geoinformação; Epidemiologia; Zoonoses; ZEIS; Leishmaniose visceral Calazar; Internet
Data do documento: 2004
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Karoline Silva Paixão, Silvane; Lucia Bezerra Candeias, Ana. Modelagem de Dados Espaciais para Controle da Leishmaniose visceral. 2004. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Ciências Geodésicas e Tecnologia da Geoinformação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2004.
Resumo: A Cartografia tem sido utilizada pela saúde pública desde 1854 com os estudos do Dr. John Snow, que a partir de dados descritivos dos óbitos e a base espacial do centro de Londres, conseguiu controlar o problema da epidemia da cólera. A pesquisa aqui desenvolvida teve como objetivos gerar um aplicativo para monitoramento epidemiológico utilizando SIG - Sistemas de Geoinformação, fornecer subsídios às secretarias de saúde e avaliar a aplicação de técnicas de análise espacial. Para tanto, foram utilizados conceitos de Cartografia, com ênfase em SIG, e de epidemiologia com o estudo da zoonose Leishmaniose visceral - Calazar, tendo como área piloto ZEIS Zonas Especiais de Interesse Social em Jaboatão dos Guararapes - PE. Como resultado, foi desenvolvido um sistema aplicativo em SIG utilizando a plataforma SPRING, de consulta pela internet, tendo sido aplicada à metodologia de Modelagem de Dados Espaciais
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3263
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Ciências Geodésicas e Tecnologias da Geoinformação

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo4897_1.pdf8,16 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.