Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3171
Título: A Eco-efetividade do design: proposição de uma ferramenta de análise e sua aplicação em sistemas de produtos + serviços
Autor(es): COSTA, Adriana de Azevedo Oliveira
Palavras-chave: Design sustentável; Eco-efetividade; Sistemas de produtos + serviços
Data do documento: 31-Jan-2009
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: de Azevedo Oliveira Costa, Adriana; Augusto Gómez Castillo, Leonardo. A Eco-efetividade do design: proposição de uma ferramenta de análise e sua aplicação em sistemas de produtos + serviços. 2009. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Design, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2009.
Resumo: Este trabalho propõe uma ferramenta de avaliação de eco-efetividade para projetos de design, e testa sua aplicação. Foi adotado o conceito de eco-efetividade de McDonough e Braungart (2007), que considera eco-efetiva uma produção industrial capaz de se retro alimentar perpetuamente com seus próprios materiais, sem gerar emissões ou resíduos de qualquer espécie. Este conceito foi ilustrado por Manzini e Vezzoli (2005) pela idéia de soluções sustentáveis e não-sustentáveis, onde os autores definem os percursos para a sustentabilidade a partir da inovação técnica e sociocultural. Portanto, a partir deste conceito, foram propostos critérios baseados na concepção de um projeto de design. Para a variação tecnológica ( T), foi adotada a ferramenta design do ciclo de vida dos produtos, e, para a variação cultural ( C), alguns parâmetros encontrados no conceito de inovação social (Meroni, 2007). A aplicação da ferramenta foi verificada em projetos de Sistemas de Produtos + Serviços (PS+S) desenvolvidos por alunos de graduação de design na disciplina Design de Produtos Sustentáveis , ministrada em 2008.2 no Departamento de Design da UFPE. Como resultados, verificou-se diferentes graus de eco-efetividade em idéias aparentemente sustentáveis e inovadoras. Os projetos com maior potencial de eco-efetividade, além de lançarem mão da tecnologia, com soluções técnicas para o meio ambiente, foram aqueles que também se propuseram a revolucionar o comportamento do consumidor. Os resultados validam e justificam a ferramenta, que, na prática, pode auxiliar equipes desenvolvedoras de produtos e serviços como um de seus critérios para tomada de decisões
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3171
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Design

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo2188_1.pdf999,35 kBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.