Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3146
Título: Das relações políticas à racionalização das indústrias culturais: a trajetória do Sistema Jornal do Commercio de Comunicação
Autor(es): de Pompéia Macêdo de Barros, Rosário
Palavras-chave: Grupos de mídia;Sistema Jornal do Commercio;Indústrias Culturais
Data do documento: 31-Jan-2009
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: de Pompéia Macêdo de Barros, Rosário; Edgard Rebouças, José. Das relações políticas à racionalização das indústrias culturais: a trajetória do Sistema Jornal do Commercio de Comunicação. 2009. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Comunicação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2009.
Resumo: As indústrias culturais em Pernambuco - especialmente, os grupos de mídia - foram poucos estudados sob o referencial da economia política das comunicações. Diante dessa escassez acadêmica aliada à riqueza de informações sobre as trajetórias das empresas de comunicações em Pernambuco surge esta dissertação, tendo como estudo de caso o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC). As fases do nascimento, da falência e do reerguimento desse grupo de mídia exemplificam o desenvolvimento das mídias no Nordeste sob as influências e exigências das diversas etapas do capitalismo no Brasil. A pesquisa teve um olhar mais atento para as diversas gestões que passaram na empresa e as suas relações com o Estado e os grupos políticos para a manutenção desse grupo midiático. Esse panorama teve como aparato metodológico um esquema das relações sociais, políticas, econômicas e culturais que busca compreender a sustentabilidade de um grupo de mídia. A partir disso, verificou-se, neste estudo, que uma empresa de comunicação privada pode interessar aos empresários devido ao poder político e social que ela traz consigo, não sendo o lucro o seu principal atrativo. Refletir sobre essa arena é fundamental nos estudos sobre mídia no Brasil e contribui na perspectiva de formar pessoas críticas em relação aos meios de comunicações, que possuem, por sua vez, uma grande responsabilidade na constituição da atual esfera pública pernambucana
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3146
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Comunicação

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo1915_1.pdf836,08 kBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.