Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3105
Título: Incidência de malformações ortopédicas congênitas em recém-nascidos em três maternidades da cidade de Maceió
Autor(es): Jorge da Silva Pereira, Ricardo
Palavras-chave: Anomalias congênitas ortopédicas; Pé calcâneo valgo; Polidactilia
Data do documento: 2005
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Jorge da Silva Pereira, Ricardo; Monteiro dos Santos, Saulo. Incidência de malformações ortopédicas congênitas em recém-nascidos em três maternidades da cidade de Maceió. 2005. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Cirurgia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2005.
Resumo: O autor examinou 2500 crianças nascidas na Casa Maternal Santa Mônica, Hospital Memorial Arthur Ramos e Santa Casa de Misericórdia de Maceió no período de julho de 2002 a junho de 2003, com o objetivo de estabelecer a incidência das anomalias ortopédicas congênitas nestas maternidades. Como critério de inclusão utilizou-se apenas o exame clínico. Foram excluídos do trabalho os natimortos e os recém-nascidos de alto risco que necessitaram de cuidados intensivos e que ficaram internados na UTI neonatal. A incidência das malformações foi de 2,88% sendo a de 1,12% para as anomalias maiores e de 1,76% para as menores Concluiu-se desse trabalho que a incidência para as anomalias congênitas é compatível com a descrita na literatura, sendo o pé torto congênito a anomalia mais frequentemente observada, seguida da polidactilia. O pé calcâneo valgo foi a anomalia menor mais freqüente
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3105
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Cirurgia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo5564_1.pdf1,4 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.