Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3093
Title: Desigualdade e seletividade no território cearense: o ideário desenvolvimentista dos governos das mudanças (1987-2007) na estruturação da rede urbana do Estado do Ceará
Authors: Ramos Cavalcanti, Emanuel
Keywords: Rede urbana; Desenvolvimento; Planejamento; Território; Acumulação capitalista
Issue Date: 31-Jan-2008
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Ramos Cavalcanti, Emanuel; Maria Ribeiro Leal, Suely. Desigualdade e seletividade no território cearense: o ideário desenvolvimentista dos governos das mudanças (1987-2007) na estruturação da rede urbana do Estado do Ceará. 2008. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Urbano, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2008.
Abstract: A presente dissertação de mestrado objetiva a compreensão de como as estratégias recentes para o desenvolvimento do estado do Ceará, no período dos governos das mudanças (1987- 2007), atuaram na (re)estruturação de sua rede urbana. O objeto compreende o conjunto das transformações sofridas por esta naquele período. Para tanto, foram definidos os procedimentos metodológicos, baseados em um exercício de síntese e análise e pautados por uma perspectiva dialética acusadora de conflitos e/ou contradições no processo. A partir dessa definição, a pesquisa transcorreu pelas seguintes etapas: i) foram selecionados os estudos sobre a rede urbana nacional mais relevantes no período dos últimos quarenta anos para a formatação de um diagnóstico da rede urbana cearense; ii) foram identificados os elementos estruturadores do discurso dos governos das mudanças - base de formulação de seu ideário desenvolvimentista e de ordenação do território através da seleção dos Planos de Governo do período 1987-2007 e; iii) a confrontação dos resultados em (i) e (ii), representados pelo par discurso-ação, visando a compreensão da distribuição territorial das principais estratégias econômicas daquele grupo político. Ao final dessas atividades de elaboração do texto da pesquisa, foi possível concluir que, em essência: a atuação dos governos das mudanças , pautadas na eleição dos espaços cearenses destinados a dar suporte a seu trio principal de vetores econômicos indústria-agronegócio-turismo se deu de forma territorialmente desigual e seletiva. Isso configura, no recorte espacial do estudo, o Ceará, a orientação daquele grupo político na facilitação da acumulação capitalista, em sua versão atual, de caráter flexível, constituindo uma aliança favorável entre Estado e Capital que garantiu a permanência de estruturas territoriais e sociais consolidadas e de grupos econômicos hegemônicos
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3093
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Desenvolvimento Urbano

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo2259_1.pdf6.92 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.