Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3070
Title: Estudo pós-operatório da reconstrução do ligamento cruzado anterior utilizando enxerto do ligamento patelar, fixado com parafusos bioabsorvíveis
Authors: Esequias Teixeira Tenório Albuquerque Madruga, Reuthemann
Keywords: Reconstrução do ligamento cruzado
Issue Date: 2004
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Esequias Teixeira Tenório Albuquerque Madruga, Reuthemann; de Andrade Lima, Jairo. Estudo pós-operatório da reconstrução do ligamento cruzado anterior utilizando enxerto do ligamento patelar, fixado com parafusos bioabsorvíveis. 2004. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Cirurgia, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2004.
Abstract: A lesão do ligamento cruzado anterior (LCA) é a mais freqüente das lesões ligamentares do joelho e está intimamente associada a traumas desportivos. O objetivo do estudo foi analisar os resultados da utilização dos parafusos de interferência bioabsorvíveis na reconstrução do LCA, com a técnica do enxerto do ligamento patelar (osso-tendão-osso), como, também, demonstrar os resultados de acordo com o protocolo de avaliação do International Knee Documentation Comitee (IKDC). O grupo estudado foi formado por 40 pacientes com diagnóstico de lesão do LCA, submetido a reconstrução cirúrgica videoartroscópica, com idade variando entre 19 e 48 anos, com média de 31,5 anos, sendo 38 (95%) do sexo masculino e 2 (5%) do sexo feminino. Nenhum paciente era esportista profissional, porém 32 (80%) deles praticavam algum tipo de esporte amador com regularidade. O tempo de seguimento foi de 05 a 15 meses (média de 10,35 meses). O estudo foi do tipo observacional transversal e intervencional ou experimental. Os resultados foram submetidos ao teste t para diferença de média com p < 0,05. Na avaliação final pelo IKDC, verificamos que 06 (15%) pacientes foram graduados como normais (grupo A); 28 (70%) pacientes foram classificados como próximos do normal (grupo B) e 06 (15%) pacientes avaliados como anormais (grupo C). Concluímos que o uso de parafusos bioabsorvíveis constitui um método de fixação do enxerto do tipo patelar (osso-tendão-osso) nas lesões do LCA efetivo, de fácil aplicação e sem complicações e o IKDC demonstrou ser um método de avaliação rígido, completo e confiável
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/3070
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Cirurgia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo5507_1.pdf1.59 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.