Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/2839
Title: Uma Abordagem Leve para Testar o Comportamento Excepcional
Authors: BERNARDO, Rafael Brito Di
Keywords: Tratamento de exceções; teste; comportamento excepcional; especificação do comportamento excepcional
Issue Date: 31-Jan-2011
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Brito Di Bernardo, Rafael; Caston, Fernando. Uma Abordagem Leve para Testar o Comportamento Excepcional. 2011. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2011.
Abstract: Muitos dos problemas encontrados no uso do mecanismo de tratamento de exceções são causados pela falta de projeto e teste do comportamento excepcional de um sistema em fases iniciais do desenvolvimento de software. Como consequência, exceções são propagadas de forma inesperada durante causando impacto negativo na confiabilidade de um software. Neste trabalho apresentamos uma abordagem que possibilita projetar testes desde as atividades iniciais do desenvolvimento e verificar, em tempo de execução, como as exceções trafegam ao longo de um sistema. Através da especificação do fluxo excepcional esperado é possível determinar se uma exceção foi propagada corretamente. Um segundo uso desta abordagem destina-se ao auxilio das atividades de manutenção de um sistema. Para isto, uma versão inicial existente é especificada e os testes são executados nas novas versões ao longo da evolução do sistema. Com isso é possível verificar a consistência do comportamento excepcional a cada nova versão. Um benefício da abordagem proposta deve-se ao fato de que os testes escritos servem como a própria documentação viva do sistema mantendo-a sempre atualizada. Para a avaliação desta abordagem foram selecionados três sistemas: aTunes, jEdit e Health Watcher. Através do seu uso foram descobertos dezesseis bugs. Deste total doze foram erros inéditos não reportados na base de bugs destes projetos. Não somente bugs foram descobertos com a utilização desta abordagem. Do ponto de vista de testes automatizados, como artefatos de documentação, foram apontadas diversas diferenças entre as versões dos sistemas com relação aos fluxos excepcionais testados. Para auxiliar a automação dos testes, a abordagem foi implementada como uma extensão do framework JUnit. Os testes especificados nesta extensão contém informações complementares sobre o fluxo excepcional esperado
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/2839
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Ciência da Computação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo9418_1.pdf2.17 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.