Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/22584
Título: Anadenanthera Colubrina var. Cebil (Griseb.) Altschul (Fabaceae: Mimosoideae): potencial antimicrobiano e variações nos teores de metabólitos secundários
Autor(es): ARAÚJO, Daniel Rodrigo Cavalcante de
Palavras-chave: Plantas medicinais
Data do documento: 10-Fev-2015
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: Anadenanthera colubrina (Vell) Brenan var. cebil (Griseb) é uma planta medicinal amplamente utilizada no Nordeste brasileiro. Este estudo teve como objetivo analisar a influência dos índices pluviométricos na atividade antimicrobiana e componentes fitoquímicos de extratos de folhas e frutos de A. colubrina. As amostras foram coletadas no Parque Nacional do Catimbau (Buíque, Pernambuco, Brasil) em setembro de 2010 e janeiro, abril e junho de 2011, que mostrou índice de precipitação (IP) de 75 mm, 65 milímetros, 162 milímetros e 73 mm, respectivamente. Os extratos foram preparados por extração de Soxhlet com ciclo-hexano, clorofórmio, acetato de etilo e metanol. A atividade antimicrobiana foi determinada pelos valores de MIC e MBC. Todos os extratos apresentaram atividade antimicrobiana, mas extratos acetato de etila (de todos os períodos) eram mais ativos. Foram encontradas fortes correlações entre o IP e do MIC média de MLE (ρ: -0,99), Eale (ρ: -0,81), CHFE (ρ: -0,81), EAFE (ρ: -0,80); enquanto correlações moderadas e fracas foi encontrado com outros extratos. Através de uma análise HPLC foi possível revelar que as amostras coletadas de períodos secos tiveram mais diversidade química (por apresentarem mais picos). Ácido gálico e quercetina (e compostos derivados) foram identificados. Os níveis de quercetina foram reforçadas em extratos de meses secos. Os nossos resultados mostraram que a precipitação tem um efeito positivo sobre a atividade antimicrobiana das folhas e frutos de A. colubrina e a variação de alguns metabolitos, principalmente quercetina. Outros estudos devem ser realizados a fim de identificar os compostos ativos e para avaliar os efeitos de outros fatores ambientais.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/22584
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Ciências Biológicas

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARAUJO_ D_R_C 2015UFPE.pdf1,1 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons