Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/21032
Title: Um modelo de escritório unificado de projetos e processos como agente de execução da estratégia organizacional
Authors: INTYRE, Caio Franco Mc
Keywords: Escritório de Gestão de Projetos e Processos. Escritório de Projetos. Escritório de Processos de negócio. Modelo unificado de escritório. Diretrizes de escritório de gestão.;Project and Process Management Office. Project Management Office. Business Process Management Office. Integrated Office Model. Management Office Guidelines.
Issue Date: 26-Aug-2016
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Abstract: O crescimento das iniciativas de gestão de projetos e de processos de negócio nas organizações tem deixado cada vez mais evidente o importante papel que essas disciplinas exercem no auxílio da condução das estratégias organizacionais. Tanto os escritórios de gestão de projetos (do inglês, Project Management Office ou PMO) quanto os escritórios de gestão de processos de negócio (Business Process Management Office ou BPMO) deixaram de ser somente guardiões dessas competências e se tornaram verdadeiros agentes de execução da estratégia, norteando a organização rumo aos seus objetivos estratégicos. Neste cenário, em que os dois escritórios deveriam trabalhar de forma coesa em prol da estratégia, é frequente que tenham discordâncias, duplicações de funções e prioridades conflitantes. Com o objetivo de criar uma maior sinergia entre a gestão de duas competências que são consideradas veículos da execução da estratégia organizacional, este trabalho propõe um modelo de implantação e atuação para escritórios unificados de projetos e processos. Para formular este modelo foram feitas revisões de literatura, proposto seis elementos para análise de escritórios e em seguida foram feitas análises comparativas de modelos de escritórios de projetos, modelos de escritórios de processos e das sinergias conhecidas entre os dois escritórios. Os seis elementos de análise foram passos necessários para estruturação, objetivos do escritório, posicionamento estratégico, local de inserção na estrutura organizacional, atividades desempenhadas e papéis e responsabilidades. O modelo unificado foi então proposto com diretrizes baseadas nos seis elementos e com uma estratégia de implementação do modelo que detalha os doze passos necessários divididos em quatro fases. Trata-se de um modelo adaptável, cuja aplicação deve ser feita de acordo com a realidade de cada organização. O modelo foi posteriormente submetido a um survey de validação com especialistas. Além de mostrar alguns pontos de melhoria, o resultado da validação serviu para ratificar a aderência do modelo de escritórios unificados de projetos e processos aos conceitos das duas disciplinas, sob os aspectos de utilidade e aplicabilidade do modelo. Palavras-chave: Escritório de Gestão de Projetos e Processos. Escritório de Projetos. Escritório de Processos de negócio. Modelo unificado de escritório. Diretrizes de escritório de gestão.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/21032
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Ciência da Computação



This item is protected by original copyright



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons