Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/20272
Title: Levantamento dos níveis de radioatividade natural no estuário do complexo industrial de Suape no estado de Pernambuco
Authors: CARNEIRO, Paula Frassinetti Pereira
Keywords: Radioatividade Natural; Radionuclídeos; Concentrações; Natural Radioactivity; Radionuclides; Concentration
Issue Date: 2-Aug-2016
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Abstract: Atualmente tem-se evidenciado um aumento dos níveis da radioatividade ambiental, em decorrência de atividades antrópicas, tendo como exemplo as indústrias de petróleo que produzem por ano cerca de 2,5x104 a 2,25x105 toneladas de materiais contaminados, que contêm níveis elevados de elementos das séries radioativas naturais do 238U,235U, 232Th e 40K, contribuindo para a formação do “TENORM” (Technologically Enhanced Naturally Ocurring Radioactive Material). Assim, o objetivo principal deste estudo foi avaliar as concentrações do 238U, 226Ra, 232Th, 40K e 210Pb em amostras de solos, sedimentos, peixes e folhas de mangue coletadas no percurso dos rios Ipojuca Massangana e Tatuoca localizados na Região Estuarina do Complexo Industrial de SUAPE, devido à instalação de uma refinaria de petróleo e à consequente introdução no meio ambiente de materiais radioativos naturais oriundos de outras regiões. Para isto, foram determinadas as concentrações do 238U, 226Ra, 232 Th, 40K em amostras de solos, sedimentos, peixes e folhas, utilizando o método da espectrometria gama. Além disso, determinou-se também as concentrações de 210Pb em amostras de peixes e folhas de mangue também pelo método da espectrometria gama e em amostras de solos e sedimentos pela técnica da troca iônica. As concentrações de 238U, 226Ra, 232 Th, 40K e 210Pb em solos, sedimentos, peixes e folhas de mangue variaram respectivamente de < LD – 622,89 Bq.kg-1; 13,57 – 872,62 Bq.kg-1; 16,6 – 989,17 Bq.kg-1; < LD – 992,35 Bq.kg-1. Os resultados obtidos mostraram que a área relativa à situação pré-operacional encontra-se com valores acima dos estimados pela UNSCEAR para regiões consideradas naturais, apresentando interferência antropogênica.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/20272
Appears in Collections:Teses de Doutorado - Tecnologias Energéticas e Nucleares

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESE PAULA FRASSINETTI.pdf2.36 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons