Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/20158
Título: Saúde imaginária: a reprogramação do corpo no reality show
Autor(es): MENDES, Patrícia Monteiro Cruz
Palavras-chave: Saúde; Imaginário; Biopolítica; Televisão; Reality Show; Health; Imaginary; Biopolitics; TV; Reality Show
Data do documento: 29-Fev-2016
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: A presente tese aborda a televisão enquanto tecnologia do imaginário que promove uma biopolítica da saúde ao disseminar o nexo cuidados com o corpo e aparência. O estudo foi alicerçado em compreender como o imaginário midiático utiliza a associação entre cuidados com o corpo e responsabilização dos indivíduos para produzir uma estética específica de saúde, que estamos chamando de saúde imaginária. Partindo da sociologia compreensiva, utilizamos o conceito de biopolítica em Foucault e as noções de imaginário em Maffesoli e Durand como base teórico-metodológica para a análise do material empírico: os reality shows Medida Certa e Além do Peso, veiculados pela TV Globo e TV Record, respectivamente. As confluências entre o sistema foucaultiano de corpo e as reflexões do imaginário social permitiram compreender a aparência como uma estrutura antropológica que põe o corpo em comunicação. Assim, para a análise do corpus, identificamos as formas do imaginário midiático por meio da proposição de um modelo teórico-metodológico centrado em três categorias: corpo sem formas, baseado no imaginário social sobre os riscos da gordura/sedentarismo à saúde; modelagem midiática dos corpos, com a formação/estimulação de uma imaginação sobre os esforços em busca dos pesos e medidas da saúde; e corpo prêt-à-porter, considerando a apresentação da imagem de uma estética saudável pronta para exposição/consumo. Com base nisso, foi possível compreender que o imaginário midiático dissemina uma noção de saúde cujas imagens e conteúdos estão materializados nas formas dos corpos.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/20158
Aparece na(s) coleção(ções):Teses de Doutorado - Comunicação

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese_PatriciaMonteiroCruzMendes_UFPE.pdf5,87 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons