Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/1967
Título: Um sistema eletroquímico para monitoramento de interações das lectinas de folhas de Bauhinia monandra e de sementes de Cratylia mollis com cardoidratos em diferentes meios eletrolíticos
Autor(es): Cosme Pimentel, Jadilma
Palavras-chave: Bauhinia monandra;Cratylia mollis;Biossensores;Eletroquímica;Lectina;Potencial eletroquímico;Sistema potenciométrico
Data do documento: 2006
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Citação: Cosme Pimentel, Jadilma; Cassandra Breitenbach Barroso Coelho, Luana. Um sistema eletroquímico para monitoramento de interações das lectinas de folhas de Bauhinia monandra e de sementes de Cratylia mollis com cardoidratos em diferentes meios eletrolíticos. 2006. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2006.
Resumo: A BmoLL, que é a lectina extraída de folha de Bauhinia monandra, é específica para galactose e tem sido purificada através de fracionamento com sulfato de amônio e cromatografia de afinidade. A Cramoll, lectina de Craltylia mollis, reconhece glicose/manose e apresenta propriedades similares a concanavalina A, Con A, lectina que é extraída de sementes de Canavalia ensiformis, e já é bastante caracterizada. Os potenciais eletroquímicos para BmoLL e Cramoll 1,4 foram obtidos através de técnicas potenciostáticas, utilizando diferentes soluções salinas como suporte para o controle da distribuição de cargas entre o eletrodo de Ag/AgCl, como eletrodo de referência, e o eletrodo de platina como eletrodo de trabalho, em um meio aerado. Os potenciais eletroquímicos positivos e específicos determinados para a BmoLL e Cramoll 1,4 indicaram uma alta sensibilidade dos eletrodos utilizados. Os resultados observados sugeriram que uma maior área de superfície do eletrodo aumenta a estabilização na interface da dupla camada elétrica. O sistema eletroquímico foi desenvolvido para avaliar as trocas de cargas nas superfícies de BmoLL e Cramoll 1,4 livres interagindo ou não com seus carboidratos específicos
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/1967
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Ciências Biológicas

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
arquivo5227_1.pdf703,85 kBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.