Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/18167
Título: Sobrepeso e obesidade: avaliação da antropometria e composição corporal em escolares da rede municipal de ensino na cidade de Vitória de Santo Antão/PE
Autor(es): RIBEIRO, Marcílio Rodrigues
Palavras-chave: Sobrepeso; Obesidade; Sedentarismo; Crianças
Data do documento: 14-Jul-2016
Citação: RIBEIRO,M.R.
Resumo: O crescente número de crianças e adolescentes com sobrepeso e obesidade é um fator alarmante, por ser considerada uma epidemia mundial. A maioria dos indivíduos que possuem obesidade apresentam diversos problemas de saúde, entre eles as doenças crônico-degenerativas. O objetivo deste estudo foi avaliar a antropometria e a composição corporal em crianças do sexo masculino com idade entre 7 e 10 anos. Como metodologia foi realizado um estudo de campo e transversal no qual foram avaliados 174 escolares, com faixa etária entre 7 e 10 anos de idade, escolhidas aleatoriamente por conveniência. O estudo foi composto por 2 grupos: a) participantes regulamente das aulas de educação física (GPEF) e b) não participantes das aulas de educação física (GNPEF). Ambos os grupos foram submetidos à coleta dos dados antropométricos e da composição corporal, adquirindo o índice de massa corporal, as dobras cutâneas e os percentuais de gordura para comparação entre eles, buscando verificar a prevalência de sobrepeso e obesidade. No processo de análise, utilizou-se o programa Excell versão 2007 para tabulação de dados e para análise estatística utilizou-se o Prism 6 for Windows, version 6.01, 1992-2012, Graph Pad Software, Inc, USA. Na fase seguinte, para a comparação de médias das variáveis, utilizou-se o teste “t” de Student unpaired para amostras independentes, com um nível de significância mantido com p < 0.05. Como resultados obteve-se que no GPEF 58,82% estão com baixo peso, 33,61% apresentaram-se com peso normal, 6,72% com sobrepeso e 0,84% com obesidade. Já no GNPEF 50,90% possuem baixo peso, 43,63% com peso normal, 5,45% sobrepeso e nenhum foi considerado obeso. Com base nos dados analisados, o estudo evidenciou que ambos os grupos apresentaram um maior índice de crianças com baixo peso, enquanto que o índice de prevalência de obesidade e sobrepeso nessa faixa etária foi mínimo. Desse modo, conclui-se que se faz necessário desenvolver continuamente um processo de conscientização sobre a importância da alimentação saudável e a participação regular das crianças nas aulas de educação física, contribuindo para manter uma composição corporal adequada e melhor qualidade de vida.
Descrição: The growing number of children and adolescents with overweight and obesity is an alarming factor for being considered a worldwide epidemic. Most individuals who have obesity have several health problems, including chronic degenerative diseases. The aim of this study was to evaluate the anthropometric and composition in male children aged between 7 and 10 years.The methodology was a cross-sectional study in which 174 school were evaluated, aged between 7 and 10 years old, randomly chosen for convenience. The study consisted of two groups: a) participants regulation of physical education classes (GPEF) and b) do not participate in physical education classes (GNPEF). Both groups underwent collection of anthropometric data and body composition, acquiring body mass index, skinfold thickness and percentage of fat to compare them, seeking to determine the prevalence of overweight and obesity. In the process of analysis, we used the 2007 version Excell program for data tabulation and statistical analysis was performed using Prism 6 for Windows, version 6.01 1992-2012, Graph Pad Software, Inc, USA. In the next phase, to compare the means of variables, we used the "t" test for unpaired Student for independent samples, with a significance level maintained with p <0.05. The results we obtained in the GPEF 58.82% are underweight, 33.61% presented with normal weight, 6.72% and 0.84% overweight with obesity. GNPEF 50.90% are underweight, 43.63% normal weight, 5.45% overweight and none were considered obese. Based on the data analyzed, the study showed that both groups had a higher rate of underweight children, while the prevalence rate of obesity and overweight in this age group was minimal. Thus, it is concluded that it is necessary to continuously develop a process of awareness of the importance of healthy eating and regular participation of children in physical education classes, helping to maintain proper body composition and better quality of life.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/18167
Aparece na(s) coleção(ções):TCC - Educação Física (Licenciatura)

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
RIBEIRO, Marcílio Rodrigues.pdfTrabalho de conclusão de curso3,21 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons