Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/18078
Título: Estado laico, igreja romanizada na Paraíba republicana: relações políticas e religiosas (1890 – 1930)
Autor(es): SOUSA JUNIOR, José Pereira
Palavras-chave: República;Igreja Católica;Romanização;Paraíba;Republic;Catholic Church;Romanization;Paraiba
Data do documento: 25-Ago-2015
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: A separação entre Igreja / Estado e a promulgação da Constituição de 1891 representou um duro golpe na Igreja Católica, pois tivemos a laicização do Estado, secularização do casamento, do registro civil, dos cemitérios e o término da educação pública confessional. Temos ainda, o processo de romanização e em seguida a restauração católica, cujo objetivo estava centrado na retomada dos rumos do catolicismo no Brasil. É dentro deste contexto histórico da Primeira República (1890 – 1930) que esta tese se insere e é construída. Através das fontes de jornais e eclesiásticas, buscamos compreender como se dá o processo de afastamento entre a Igreja Católica e o Estado, assim como sua laicidade e as reações do clero frente às mudanças religiosas, políticas e educacionais na Província da Paraíba do Norte, tendo dentro deste recorte a nomeação de Dom Adauto de Miranda Henriques á condição de Bispo e depois Arcebispo. Desse modo, passamos também á analisar as ações religiosas, políticas e educacionais de Dom Adauto á frente da Diocese, assim como os momentos de enfrentamentos da Igreja contra maçons, protestante e espírita. Para entendermos este momento, esta tese foi construída e analisada a partir de alguns questionamentos: Como foi encarado pela Igreja Católica o processo de laicização determinado pelo Estado republicano a partir do decreto de 1890 e legitimado pela Constituição de 1891 e o processo de romanização católica? Qual(is) as ações políticas e religiosas de Dom Adauto para reaproximar-se e recuperar o prestigio da Igreja junto ao povo dentro da sociedade paraibana? Buscamos também, analisar os enfrentamentos existentes entre a Igreja, Maçonaria, Protestantes e Espíritas. E qual a importância das visitas pastorais e da instrução educacional dentro do projeto de restauração católica em nível de Brasil e Paraíba? Estas foram as questões propostas e analisadas nesta tese, que foram palmilhada na pesquisa documental e historiográfica e, transformada em escrita.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/18078
Aparece na(s) coleção(ções):Teses de Doutorado - História

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE UFPE 2015.pdf2,25 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons