Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17996
Title: Magnetic and structural properties Al-based alloys obtained by mechanical alloying
Authors: RODBARI, Reza Jamshidi
Keywords: Magnetismo;Quasicristal;Mecanossíntese e Fases Quasicristalinas;Magnetism;Quasicrystal;Mechanical alloying and Quasicrystalline Phases
Issue Date: 29-Jul-2016
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Abstract: As ligas quasicristalinas que contém o elemento o alumínio, apresentam dispersão de partículas em escala nanométrica que apresentam valores elevados de resistência mecânica em temperaturas ambientes e em altas temperaturas. Os sólidos quasicristalinos possuem estruturas simetricas não cristalográfica convencional; mas são constituídos por uma célula unitária com repetição periódica no espaço e ordenação, de modo, intermediário entre as fases cristalinas periódicas e as fases não-cristalinas amofas. O processo de mecanossíntese, uma técnica da metalurgia do pó desenvolvida nos anos 60, foi estabelecido como um método viável de processamento no estado sólido para a produção de várias fases quasicristalinas metaestáveis e estáveis. O interesse de obtenção desse material é devido as suas boas propriedades estruturais, eletrônicas e magnéticas, e a interações entre as propriedades. Em geral, as ligas quasicristalinas mostram resistentes á fricção e ao desgaste, bons isolantes elétricos e térmicos, são duros, utilizados em sensores fotônicos e algumas formações de quasicristais são bons armazenadores de hidrogênio. Neste trabalho, pesquisou o usou da mecanossíntese para a obtenção das fases icosaedral e decagonal Al65Mn22Cu13 and Al67,6Cr23,3Fe9,1 com o intuito de estudar as propriedades magnéticas. As amostras das ligas quasicristalinas foram obtidas por moagem de alta energia com razão massa bolas de 20: 1, com rotação de 200 rpm, nos intervalos de tempo que variou de 1 hora até 40 horas em um moinho de bola planetário Frittsch Pulverisette 5. Avaliação das cararterizções físicas foram feitas por microscopia eletrônica de varredura apresentaram uma microestruturas com simetrias não uniforme e nódulos grandes. Adifração de raios-X fornece informações sobre identificações das fases decorrentes das ligas Al65Mn22Cu13 and Al67,6Cr23,3Fe9,1 as formações das fases Icosaedral, decagonal e intermetálicas e a presença de picos padrões de difração típicos da sua rede cristálografica. As medidas magnéticas realizadas foram em função da temperatura M (T), e também em função do campo aplicado M (H). Pode-se concluir que é possível a formação das fases quasicristalinas conforme o tempo de moagem e da velocidade para ligas Al65Mn22Cu13 and Al67,6Cr23,3Fe9,1 obtido pelo processo mecanossíntese.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17996
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Ciências de Materiais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Full Version Text of Masters Dissertation (FINAL).pdf2.2 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons