Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17971
Title: Anemia e fatores associados em lactentes usuários da estratégia saúde da família no município de Olinda-Pernambuco
Authors: CERQUEIRA, Vilma Maria Pereira Ramos de
Keywords: Anemia;Deficiência de ferro;Micronutrientes;Fatores de risco;Iron deficiency;Micronutrients;Risk factors
Issue Date: 11-Sep-2014
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Abstract: A anemia é considerada um dos maiores problemas de saúde pública da atualidade, afetando as populações de quase todos os países, com características endêmicas em todos os grupos socioeconômicos e segmentos biológicos, constituindo-se na carência nutricional de maior magnitude mundial, com sérias repercussões à saúde. Objetivo: Estimar a frequência de anemia e identificar os fatores associados em lactentes usuários da Estratégia Saúde da Família no Município de Olinda. Métodos: Estudo transversal analítico realizado em dez Unidades de Saúde da Família do Município de Olinda. A amostra do estudo foi constituída por 98 crianças de 12 a 14 meses. Foi utilizado um questionário sobre condições socioeconômicas, demográficas, maternas e familiares, morbidades, alimentação e nutrição da criança. Medidas antropométricas das crianças e de suas mães foram aferidas, para avaliação do estado nutricional. Amostras de sangue venoso foram obtidas em jejum para avaliação bioquímica, a determinação de hemoglobina sanguínea foi realizada no dia da coleta de sangue por hemoglobinômetro portátil da marca Hemocue. A análise entre os níveis de hemoglobina e os possíveisfatores associados foi verificada primeiramente por regressão linear simples e posteriormente por regressão linear multivariada, segundo modelo hierarquizado. Resultados: Observou-se uma frequência de anemia na ordem de 23,5% e deficiência de ferro e de vitamina A de 21,3% e 14,8%, respectivamente.A deficiência de ferro esteve presente em apenas 30% dos anêmicos e em 18,8% dos lactentes não anêmicos, sem diferença estatisticamente significante. A deficiência de vitamina A ocorreu de forma similar entre os anêmicos (14,3%) e entre os não anêmicos (14,9%). Para a análise dos fatores associados aos níveis de hemoglobina dos lactentes foram selecionadas variáveis com valores de p<0,20. Após ajuste do modelo linear multivariado, os fatores que permaneceram associados às variações dos níveis de hemoglobina foram: renda familiar per capita (p=0,07), escolaridade paterna (p=0,02), cor da pele da criança referida pela mãe/responsável (p=0,05), índice peso/comprimento (p<0,001) e internação desde que nasceu (p<0,001). Conclusões: No presente estudo, a anemia, deficiência de ferro e hipovitaminose A representam um problema de saúde pública moderado, pelos critérios da OMS, indicando a necessidade de ações preventivas no grupo etário de lactentes, no âmbito da atenção básica de saúde.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17971
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Nutrição

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO FINAL CATALOGADA.pdf2.16 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons