Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17781
Título: Redes sociais virtuais como instrumentos de mobilização política: uma análise do grupo “Direitos Urbanos/Recife” no Facebook
Autor(es): CAVALCANTI, Davi Barboza
Palavras-chave: Redes sociais virtuais; Movimentos sociais; Lideranças; Mobilização de pessoas; Facebook; Virtual social networks; Socials movements; Leaders; Mobilizing people; Facebook
Data do documento: 26-Fev-2016
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: Este trabalho tem como objetivo analisar um grupo brasileiro presente nas redes sociais virtuais como organizador de mobilizações políticas. A principal pergunta a ser esclarecida aqui é: de que maneira os internautas são mobilizados pelos líderes de um grupo virtual para reivindicar o direito à cidade e para discutir política? Para a realização da pesquisa foi feito um estudo de caso do grupo Direitos Urbanos/Recife (DU) no Facebook, o qual conta com mais de 31 mil membros e é responsável por discutir e articular várias mobilizações no Recife, a exemplo do #OcupeEstelita 2014, que ocupou uma área do centro da cidade por cerca de 50 dias. A análise se utiliza de teorias dos novos movimentos sociais e de redes, aliadas a abordagens qualitativas, como a Teoria do Discurso proposta por Laclau e Mouffe. Entre os resultados obtidos destacam-se duas principais contribuições. A primeira é a tendência a qual os membros do DU têm de se relacionar com pessoas de círculos sociais parecidos, enquanto a segunda é a identificação de algumas ações dos líderes para mobilizar internautas, tais como chats internos para discutir ações estratégicas, filtragem do conteúdo publicado na página do DU no Facebook, boa relação com outros coletivos e, principalmente, a busca por um discurso único que aglomere os mais diversos atores/grupos sociais. A temática é relevante por abordar desafios contemporâneos da internet e dos novos movimentos sociais, como a Primavera Árabe, o Indignados, o Occupy Wall Street, os Ocupas, as manifestações de junho de 2013 no Brasil e os movimentos anti e pró-impeachment nacionais de 2015/2016.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17781
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Sociologia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Completa.pdf3.pdf3,12 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons