Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17534
Title: Sedimentação atual e comportamento da matéria orgânica no sistema estuarino do rio goiana (PE-PB)
Authors: ALVES, Camilla de Sousa
Keywords: Estuário;Razões isotópicas estáveis;Carcinocultura;Estuary;Stable isotopic ratios;Shrimp farming
Issue Date: 18-Jan-2016
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Abstract: A pesquisa foi realizada no estuário do rio Goiana - PE (7º20’S/34º50’W) e objetivou compreender a influência dos processos naturais e antrópicos na sedimentação atual e biogeoquímica na área. Foram coletadas 23 amostras de sedimentos superficiais em Fevereiro/2012 (região do baixo e médio estuário) e realizadas análises granulométricas, de matéria orgânica total (MOT), carbono orgânico total (COT), nitrogênio total (NT), Carbonato de cálcio (CaCO3), razão C/N e razões isotópicas de δ¹³C e δ¹⁵N. Como análises complementares foram realizadas as análises da fração arenosa e o índice BPN (Bio Production Number) para a determinação do estado trófico do ambiente. Foram executadas também análises de correlação (Spearman), componentes principais e agrupamento (Cluster). Os sedimentos foram classificados como heterogêneos com predomínio de areias-sílticas siliciclásticas, pobremente selecionadas com baixos a médios teores orgânicos e de origem mista. As análises de correlação indicaram significância entre os teores de CaCO3 e MOT (rs=0,67; p<0,05), ao contrário dos dados de MOT e COT (rs=0,06; p>0,05). A distribuição destes parâmetros não estabeleceu variações diretas com a granulometria. Concomitantemente a isso, o cálculo BPN evidenciou a condição predominante de hipertrofia, com os maiores índices nas estações de coleta adjacentes às áreas de carcinocultura, indicando que a presente distribuição sedimentar apresenta anomalias diretamente relacionadas ao aporte externo de contaminantes, evidenciando assim, a ocorrência de influências resultantes de atividades agrícolas, agropecuárias e/ou atividades cimenteiras exercidas na região, comportamento já reportado na literatura em outras regiões.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17534
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Geociências

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação Versão Biblioteca - ImprimirOK.pdf2.71 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons