Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17529
Título: Percepções do cuidador familiar do idoso com doença de Parkinson em relação ao processo de cuidar
Autor(es): FERREIRA, Dharah Puck Cordeiro
Palavras-chave: Idoso; Doença de Parkinson; Cuidadores; Aged; Parkinson Disease; Caregivers
Data do documento: 17-Fev-2016
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: Este estudo teve como objetivo compreender a percepção do cuidador familiar acerca do cuidar do idoso acometido pela doença de Parkinson (DP). Trata-se de um estudo descritivo, com abordagem qualitativa, o qual foi realizado no Programa de Extensão Pró-Parkinson da Universidade Federal de Pernambuco, junto aos cuidadores familiares dos idosos atendidos nesse serviço. Participaram 20 cuidadores que foram divididos em dois grupos (n=10) que cuidavam de parkinsonianos: no estágio HY1-HY2 (doença leve), e no estágio HY3-HY4 (doença moderada-grave). Utilizou-se um questionário semiestruturado com 15 questões subjetivas pertinentes aos problemas em estudo. Esse estudo, seguiu as determinações da Resolução de nº 466/2012 para pesquisas com seres humanos, aprovado pelo Comitê de Ética e Pesquisa da Universidade Federal de Pernambuco, sob o CAAE: 46834815.2.0000.5208. Os dados coletados foram submetidos à Análise de Conteúdo e Análise Léxica, na qual utilizou-se o software IRAMUTEQ. Após a análise conteúdo emergiram sete categorias temáticas relacionadas à percepção do cuidador familiar acerca do processo de cuidar do idoso com Parkinson: (1) Perfil sociodemográfico dos cuidadores familiares de idosos com Parkinson; (2) Perfil sociodemográfico e clínico dos idosos com Parkinson; (3) A construção do cuidar; (4) A informação como promotora da qualidade no cuidado; (5) As transformações em decorrência do cuidar; (6) Sentimentos e percepções do cuidador familiar; e (7) Finitude: como lidar com o processo morte/morrer na velhice. Com relação à Análise Léxica foi elaborado uma categoria principal: As significações e correlações do cuidar do idoso com Parkinson, que foi subdividida em três, sendo estas: (1) Plano fatorial das palavras mais significativas sobre o cuidar do idoso com Parkinson; (2) Árvore máxima de similitude; e (3) Nuvem representativa da Análise Lexical. Verificou-se que o vínculo familiar faz com que o cuidar seja mais intenso, o que pode acarretar em sobrecarga e um mister de sentimentos e percepções oriundos dessa atividade. Assim, é preciso pensar no bem-estar biopsicossocial do cuidador, valorizando seu papel e participação no processo de cuidar, contribuindo para que este busque e tenha acesso à informações de qualidade, com o intuito do constantemente aprimoramento da sua prática, tornando-a cada dia, mais segura e eficaz.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17529
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Gerontologia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação de Mestrado - Dharah Puck.pdf1,73 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons