Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17148
Título: Influência Dos Materiais Endodônticos na Produção de Artefatos de Imagem em Tomografia Computadorizada de Feixe Cônico
Autor(es): SOUZA, Rafaella Maria Silva de
Palavras-chave: Artefatos; Tomografia Computadorizada de Feixe Cônico; Materiais Restauradores do Canal Radicular; Diagnóstico; Artifacts; CT Cone Beam; Root Canal Filling Materials; Diagnosis
Data do documento: 24-Fev-2015
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: Objetivo deste estudo foi verificar a influência dos materiais endodônticos, tecidos radiculares e posição dos dentes na produção de artefatos em Tomografia Computadorizada de Feixe Cônico (TCFC). Quarenta e oito pré-molares humanos inferiores foram distribuídos em dois grupos controles: dentes sem instrumentação e dentes instrumentados e quatro grupos experimentais, nos quais, após a instrumentação adicionou-se: guta-percha, guta-percha+Sealer 26, guta-percha+AH Plus e guta-percha+FillCanal. Os dentes foram montados em uma mandíbula para a exposição com o i-Cat em resoluções de 0.125 e 0.2mm de voxel. Três radiologistas avaliaram as imagens no formato pdf. A concordância para a presença e intensidade de artefatos intra e inter-avaliador variou de 0.79-0.96 e 0.54-0.95 (Kappa), respectivamente. Diferentes posições nos alvéolos não interferiram na produção de artefatos (p=1.000; teste Exato de Fisher). A maior parte das imagens foi classificada como excelente e boa (grupos controles) e boa e regular (grupos experimentais). Em todas as avaliações dos grupos experimentais foram observados artefatos. Em relação à intensidade dos artefatos, houve diferença significativa apenas no terço radicular cervical do AH Plus com resolução 0.125mm (p≤0.05; teste Exato de Fisher). Imagens com resolução de 0.2 mm, sugeriram presença de fratura no grupo Guta-percha e Guta-percha+Ah Plus. Todos os materiais de preenchimento produziram artefatos, reduzindo a qualidade da imagem para o auxílio no diagnóstico. Os tecidos radiculares e a posição do dente não interferiram na formação de artefatos. Dependendo da finalidade diagnóstica, é indicada a exposição com resolução de 0.125mm, por apresentar dose de radiação equivalente à de 0.2mm e imagens com melhor qualidade.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17148
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Odontologia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Rafaella maria Silva de Souza.pdf1,94 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons