Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17086
Título: Um estudo sobre o efeito das variações das tarifas de ônibus nos indicadores econômico-financeiros das empresas de transporte coletivo urbano do município de São Paulo no período de 2003 a 2012
Autor(es): RODRIGUES, Rafael Becker Ferreira
Palavras-chave: Transportes – Tarifas; Empresas de transporte.; Análise de Regressão; Indicadores econômicos
Data do documento: 31-Mar-2015
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: Este trabalho busca analisar quais os efeitos nos indicadores financeiros das empresas de transporte do Município de São Paulo ocasionados pelas alterações nas tarifas. A relevância do presente estudo reside na maior compreensão acerca das possíveis relações entre as tarifas cobradas pelas passagens de ônibus, fonte de ingressos monetários das empresas concessionárias e, a medição de desempenho dessas. Visto que não há um arcabouço teórico, discutido amplamente na literatura sobre essas relações nesse setor. A realização deste trabalho visa contribuir para futuras análises sobre os desempenhos econômico e financeiro auferidos pelo setor e suas relações causais. Com o intuito de evidenciar relações causais ocorridas entre o valor das passagens de ônibus e alguns indicadores contábeis, foram realizadas regressões lineares com o uso da técnica de dados em painel. Cada painel teve como variável dependente um dos indicadores contábeis selecionados neste estudo. Como variáveis independentes, foram adotados os índices de inflação obtidos pelo Índice Nacional de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA), os valores deflacionados das tarifas, a variação do PIB brasileiro e a variação na renda per capta brasileira. Em cada um dos painéis, foram realizados os testes de Hausman, Breusch-Pagan e o estimador de efeitos fixos. As variáveis mencionadas tiveram seus valores deflacionados ao mês de janeiro de 2003 dado que a análise econométrica adotada exige que a série seja estacionária. No total, foram coletadas 234 observações de 29 empresas. Foi possível concluir que as empresas possuem capacidade operacional favorável para a prestação do serviço, mas há gestão insuficiente dos recursos operacionais, conclui-se também, a partir dos resultados das regressões que, as variações nas tarifas e nos demais indicadores macro econômicos, ao longo dos anos gera impacto significante na maioria dos indicadores.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17086
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Ciências Contábeis

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação versão final - Rafael Becker.pdf1,62 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons