Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17004
Título: Etnia, Credo ou Nação: Explicações de uma identidade: Um estudo de caso sobre a comunidade judaica do Recife
Autor(es): KAUFMAN, Tânia Naumann
Palavras-chave: Etnia; Credo; Nação; Identidade; Comunidade judaica
Data do documento: Dez-1991
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: O propósito desse trabalho é analisar as condições da comunidade judaica do Recife que refletem o processo de mudança cultural nela verificado e, por muitos considerado como de dissolução do grupo. Nesse sentido, historiamos o processo social e político que motivou o contigente de judeus a abandonar seus países de origem, na Europa, buscando o Brasil (particularmente o Recife) como alternativa de destino. Resenhamos o tipo de formação social encontrada e como o grupo de imigrantes ingressou nos espaços sociais e econômicos da nova sociedade, assim como, as estratégias dirigidas à preservação do judaísmo. Fizemos um esboço do cenário histórico-cultural-religioso do judaísmo tomando-os como elementos referenciais para uma análise do processo de mudança. Seguindo uma linha de análise e interpretação dessas mudanças como sendo a própria essência da continuação do judaísmo, captamos o fenômeno inserido na dinâmica cultural que coloca a identidade judaica dessa comunidade na fronteira do judaísmo do schteile, passando por um processo de atualização mediante uma contextualização histórica, social e política. A pesquisa de campo teve seus polos teóricos e técnicos calcados na pesquisa qualitativa. O material para análise foi reunido através do emprego de histórias de vida entre os imigrantes, depoimentos orais gravados utilizando-se entrevistas diretivas e não diretivas. Incorporamos, ainda, dados obtidos na aplicação de 140 entrevistas feitas para o Censo Demográfico da Comunidade Judaica do Recife - 1987, visando o cotejo com o material mais recentemente colhido. Desse modo, acompanhamos o processo de constituição de uma identidade étnica, estruturada sobre o confronto com a sociedade hospedeira, numa trajetória temporal que põe em evidência a dinâmica cultural de qualquer agrupamento humano por condicionantes históricos, sociais e políticos.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/17004
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Antropologia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
39K21e Dissertação.pdf7,86 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons