Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/16936
Título: Efeito da Interação Entre o Flúor e a Irradiação com Lazer Nd: YAG na Prevenção de Desmineralização IN VITRO
Autor(es): Gomes, Angelinne Ribeiro Angelo
Palavras-chave: Cárie dentária; Flúor; Laser; Microtomografia por raio-x; Dental caries; Fluor; Laser; X-Ray Microtomography
Data do documento: 14-Ago-2015
Editor: Universidade Federal de pernambuco
Resumo: Introdução. Esforços têm sido direcionados para a redução do risco à cárie dentária através da adoção de medidas preventivas e motivacionais. Evidências recentes apontam que a irradiação com laser é eficaz no aumento da resistência dentária à desmineralização promovida durante o processo cariogênico. No entanto, ainda não há um consenso quanto a melhor forma de uso clínico do laser. Objetivos. Este estudo visou avaliar, num modelo in vitro, o efeito da interação entre e a irradiação do laser Nd:YAG com um verniz de flúor na prevenção da desmineralização do esmalte dentário. Materiais e Métodos. Cento e dez espécimes de esmalte foram distribuídos em 5 grupos, a saber: Grupo 1 – Controle, Grupo 2 – Flúor, Grupo 3 – Laser, Grupo 4 – Flúor/Laser e Grupo 5 – Laser/Flúor. Os grupos 3,4 e 5 foram subdivididos em 3 subgrupos cada de acordo com as potências utilizadas (0,5, 075 e 1W), totalizando 11 grupos com 10 espécimes cada. Os tratamentos superficiais consistiram no uso do laser Nd:YAG e verniz fluoretado isolados e em associação, seguido de um processo de desmineralização in vitro por 48 horas. Em sequência, as amostras foram escaneadas em um microtomógrafo de raios–X (XTEK XT-H 225 ST microfocos) e as imagens obtidas foram reconstruídas e processadas para quantificar a perda mineral e a diferença de densidade mineral entre as áreas exposta e não-exposta do esmalte dentário. Resultados. O grupo 1 apresentou maior perda mineral (89,8 ± 24,6μm) (p<0,001). Amostras tratadas com flúor apresentaram perda mineral semelhante aos grupos tratados com laser e associações de laser flúor (p>0,05). A diferença de densidade mineral do esmalte apresentou-se maior no grupo 1 (1.756 ± 746HU) (p<0,001). O uso isolado do flúor e os tratamentos laser/flúor demonstraram as menores médias na variação da densidade. Conclusões. O uso exclusivo do laser e suas associações com o verniz fluoretado mostraram-se semelhantes ao uso exclusivo do flúor. A associação do verniz fluoretado com o laser apresenta melhor performance quando o laser Nd:YAG é utilizado previamente ao verniz.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/16936
Aparece na(s) coleção(ções):Teses de Doutorado - Odontologia

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TESE ANGELINNE UFPE final.pdf3,5 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons