Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/16235
Título: O fazer estratégico de dirigentes de faculdades privadas da região metropolitana do Recife: um Framework integrado e multidimensional
Autor(es): BARROS, Daniel Lins
Palavras-chave: Posicionamento; Visão Baseada nos Recursos; Estratégia como Prática; Processo da Estratégia; Framework Integrado e Multidimensional do Fazer Estratégico; Positioning; Resource Based View; Strategy as Practice; Strategy Process; Integrated and Multidimensional Framework of Strategic Making
Data do documento: 18-Dez-2014
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: Esta Tese aborda a Gestão Estratégica e apresenta como principal objetivo a elaboração e aplicação de um framework do fazer estratégico de executivos, constituído à luz de quatro abordagens da estratégia: o Posicionamento, a RBV, o Processo da Estratégia e a Estratégia como Prática. Identificou-se em cada teoria contemplada na pesquisa as ações caracterizadoras da atuação gerencial, admitindo-se como hipótese preliminar que estas ações estariam relacionadas de maneira integrada e complementar, e como hipótese principal que estes relacionamentos se estabeleciam mediante o modelo proposto da tese, intitulado Framework Integrado e Multidimensional do Fazer Estratégico. A hipótese principal foi complementada pela definição de nove hipóteses intermediárias que fundamentaram os vínculos conceituais internos, promovendo coerência ao framework, que apresentava em sua versão preliminar um eixo central composto pela articulação teórica entre as abordagens da Estratégia como Prática e do Processo da Estratégia, seguido de uma área caracterizadora da RBV e uma outra região, mais periférica, que contemplava os fundamentos da abordagem do Posicionamento. A tese é considerada fundamentalmente quantitativa, com contornos qualitativos, utilizando questionários como instrumento de coleta de dados. Os cem questionários utilizados na amostra foram analisados por meio do Statsoft Statistica, fazendo-se uso das técnicas de análise multivariada e da Teoria das Facetas para elucidação dos resultados da pesquisa. Os resultados da pesquisa evidenciaram que as nove hipóteses intermediárias foram validadas mediante teste de correlação entre as variáveis que as caracterizaram, reafirmando a coerência interna do framework. Aproximadamente oitenta e seis por cento das variáveis caracterizadoras das abordagens teóricas foram classificadas conforme categorias iniciais, quando explicitadas em SSA emergente da análise dos dados, demonstrando coerência interna. Os construtos teóricos propostos foram validados mediante Alfa de Cronbach superior a 0,8 para todas as categorias, porém, a disposição das correntes do framework apresentou configuração diferente proposição inicial. No eixo central, o framework enfatizou a abordagem da RBV, condicionando as três demais teorias, que se apresentaram dispostas de forma periférica e estreitamente relacionadas entre si e com a RBV. O framework pôde, por fim, ser utilizado para melhor compreensão da realidade das IES estudadas e de seus gestores, possibilitando reflexões mais aprofundadas acerca do fenômeno estudado.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/16235
Aparece na(s) coleção(ções):Teses de Doutorado - Administração

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Daniel Lins Barros_Tese de Doutorado_PROPAD_UFPE_2014.pdf1,93 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons