Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/16156
Título: Panorama da gestão de museus da Universidade Federal de Pernambuco no período de 2004 a 2014
Autor(es): OLIVEIRA, Maria Creuza Bezerra de
Palavras-chave: gestão de museus; universidades; patrimônio cultural; preservação; management of museums; universities; cultural heritage preservation
Data do documento: 12-Fev-2015
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: Esta pesquisa está situada na Linha de Pesquisa Organizações e Desenvolvimento Sustentável do curso de Mestrado em Gestão Pública para o Desenvolvimento do Nordeste – MGP, do Centro de Ciências Sociais e Aplicadas da Universidade Federal de Pernambuco. Nela, foram analisadas as atividades de preservação do patrimônio cultural da UFPE, com o intuito de construir o panorama da gestão de museus desenvolvida pela Instituição. Diante da implementação de políticas públicas voltadas para o setor museológico no país, na última década, esta pesquisa pretendeu observar os reflexos desse momento histórico-cultural do país na Universidade, e qual o nível de adequação da Instituição às diretrizes e determinações dos instrumentos regulatórios para o setor de museus instituídos nos últimos anos. Com o levantamento de aspectos gerenciais, como infraestrutura, setor de pessoal e ações de difusão do patrimônio sob sua guarda, buscou-se compreender como é desenvolvida a gestão dos espaços museais da UFPE, conhecendo as suas atividades; que investimentos estão sendo implementados no setor e sua procedência; e qual o nível de participação da administração central da Universidade no fomento ao seu setor de museus. O estudo realizado teve caráter exploratório e como meio de investigação foi utilizada a pesquisa de campo. Entrevistas semiestruturadas constituíram o instrumento de coleta de dados e estes foram tratados com base na análise de conteúdo proposta por Laurence Bardin. A pesquisa bibliográfica também subsidiou o estudo, com ênfase nos referenciais teóricos recentes sobre gestão de museus, a partir da obra de Manuelina Duarte Cândido e nos instrumentos regulatórios brasileiros, o Estatuto de Museus e o Decreto 8.124 de 2013. O trabalho está estruturado em três capítulos, onde no primeiro estão abordados assuntos acerca dos desafios atuais da gestão de museus e seus marcos regulatórios; o segundo apresenta o campo de pesquisa e a contextualização dos museus da UFPE; e o terceiro revela os resultados da pesquisa e a caracterização do panorama da gestão dos museus da Universidade. Uma vez constatada na Instituição uma grande distância entre o que definem as teorias e diretrizes legais para a gestão de museus e a realidade, observou-se a necessidade de construção de uma política de gestão do patrimônio cultural, de forma a garantir a preservação e o acesso a esses bens pela sociedade.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/16156
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Gestão Pública para o Desenvolvimento do Nordeste

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO VERSÃO FINAL.pdf705,14 kBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons