Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/15711
Título: O governo Médici e o Programa de Integração Nacional (Norte e Nordeste): discursos e políticas governamentais (1969-1974)
Autor(es): SOARES, Filipe Menezes
Palavras-chave: Ditadura; Governo Médici; PIN; Colonização; Dictatorship; Médici Government; Colonization
Data do documento: 6-Ago-2015
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: A euforia desenvolvimentista que tomou conta do Brasil nos anos 70 está associada à transformação do país em um canteiro de obras. No rol dos projetos de grande envergadura, encontrava-se o Programa de Integração Nacional. Cercado de pompa e promulgado em meio à seca de 1970, o PIN proclamava o desenvolvimento em escala nacional e manifestava o desejo de unificar um país com dimensões continentais. Um dos desafios da dissertação consiste em apresentar o PIN como uma política que criou espaço para os trabalhadores sem terra, tendo importância capital na construção de legitimidade daquele governo e sendo parte fundamental na aproximação entre ditadura e população governada. Outro objetivo-síntese deste estudo é procurar entender a maneira com que as obras do PIN tornaram-se uma estratégia de controle dos conflitos agrários e de ocupação das fronteiras nacionais. Para tanto, foram utilizados documentos de variadas naturezas. Primeiro, ganha destaque alguns relatos orais de uma trabalhadora rural e de um funcionário do INCRA, instituição responsável pelo recrutamento e posterior assentamento dos colonos na Amazônia. Somam-se aos relatos orais, a análise de um conjunto de publicações que reúne alguns discursos oficiais do terceiro governo da ditadura. Outra fonte de grande utilidade foram as matérias de jornal publicadas em 1970, que acompanham o debate político em torno do decreto do Programa de Integração Nacional. Ao entrecruzar essa documentação é possível revisitar o PIN e apontá-lo como uma política pública ligada a determinados interesses da ditadura no Brasil. Os caminhos escolhidos para realizar essa reflexão retomam alguns objetivos primordiais do governo Médici, são eles: Desenvolvimento e Segurança Nacional.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/15711
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - História

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO FILIPE UFPE pdf.pdf1,3 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons