Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/1567
Title: Caracterização e avaliação de atividades biológicas da lectina da Vagem de Caesalpinia ferrea (CfePL)
Authors: XIMENES, Neila Caroline de Araújo
Keywords: Lectina; Caesalpinia ferrea; Atividade antimicrobiana; Atividade inseticida
Issue Date: 31-Jan-2009
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: Caroline de Araújo Ximenes, Neila; Tereza dos Santos Correia, Maria. Caracterização e avaliação de atividades biológicas da lectina da Vagem de Caesalpinia ferrea (CfePL). 2009. Tese (Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2009.
Abstract: Lectinas são proteínas ou glicoproteínas, de origem não imunológica que se ligam reversivelmente e especificamente a carboidratos. Caesalpinia ferrea é uma planta com ampla distribuição no Brasil, sendo utilizada em medicina popular. Neste trabalho a lectina da vagem sem as sementes, de Caesalpinia ferrea (CfePL) foi purificada, caracterizada e avaliada biologicamente. CfePL foi avaliada quanto a potencial ação contra bactérias Gram-positivas, Gram-negativas e fungos, na inibição do crescimento celular e respiração celular e mitocondrial de Candida albicans e como proteína inseticida para a espécie de cupins Nasutitermes corniger. CfePL foi obtida por fracionamento salino de um extrato bruto a 10% seguida de cromatografia em coluna de quitina. CfePL aglutina eritrócitos de humanos, galinha, coelho e rato, é principalmente inibida por glicoproteínas (caseína, e as do soro de coelho e soro fetal bovino), é termoestável (ativa após aquecimento a 100 C, 12 h), a sua atividade hemaglutinante (AH) é estimulada pelos íons (Ca2+ e Mg2+); e em diferentes valores de pH (4,5; 5,0; 5,5; 7,5) é aumentada, sendo quase totalmente abolida em pH 9,0. Após tratamento com enzimas proteolíticas CfePL manteve-se estável. CfePL migrou com uma única banda na eletroforese para proteínas nativas básicas e uma banda polipeptídica de massa 8 kDa em SDS-PAGE com ou sem agente redutor e cromatografia de filtração em gel. A sua porção carboidrato foi estimada em 6,8%. CfePL inibe o crescimento de bactérias Gram-positivas e Gram-negativas e de fungos, os melhores resultados caracterizados pelos halos de inibição (17mm) foram com Escherichia coli e Colletotrichum gloesporioides, com uma concentração mínima inibitória de 10 μg/mL frente a estes dois microrganismo e a Streptococcus sp.; CfePL (40 μg/ml) inibe totalmente o crescimento celular de C. albicans. Nas concentrações de 25 μg/ml e 40 μg/ml foi observada uma inibição de 30% e 45 %, após 2 h de incubação na respiração celular de C. albicans e na mitocondrial uma inibição de 45% e 90%, respectivamente. CfePL apresenta ação inseticida e não repelente contra N. corniger. CfePL é purificada em quantidades de miligramas por uma metodologia simples, e demonstra ser um potente agente antimicrobiano de baixo custo, com amplo espectro de ação, apresentando, também, ação inseticida
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/1567
Appears in Collections:Teses de Doutorado - Ciências Biológicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo1571_1.pdf1.77 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.