Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/14990
Título: Admirável bairro planejado: indicadores de qualidade bioclimática para loteamentos
Autor(es): BORBA, Ana Clara Bispo Salvador
Palavras-chave: Planejamento urbano – fatores climáticos; Loteamento; Bairros – planejamento; Comunidade urbana – desenvolvimento
Data do documento: 5-Set-2014
Editor: UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO
Resumo: O presente trabalho tem o objetivo de analisar a qualidade bioclimática do projeto urbanístico de um bairro planejado e os parâmetros urbanísticos legais estabelecidos para a área, à luz dos princípios do urbanismo bioclimático. A busca pela qualidade de vida e a ocupação em novas áreas afastadas dos centros urbanos, através de bairros planejados, têm sido uma tendência em diversas cidades brasileiras, devido ao crescente adensamento nas áreas urbanas consolidadas. O aumento gradativo da densidade urbana trazem benefícios da vida em sociedade até certo limite, a partir do qual, sobrecarrega a capacidade de suporte da infraestrutura e do sistema viário, forma um conjunto arquitetônico denso com poucos afastamentos, substituindo as áreas permeáveis e a cobertura vegetal por áreas pavimentadas, contribuindo com a modificação da drenagem e ventilação, aumentando a temperatura microclimática, resultando no comprometimento da qualidade ambiental urbana. Diante desta problemática surgem algumas dúvidas: o projeto dos bairros planejados e os parâmetros urbanísticos estabelecidos para estas áreas favorecem a qualidade ambiental urbana e o conforto térmico dos usuários? Quais as interferências positivas e negativas que a futura configuração urbana poderá causar? Como evitar ou minimizar os aspectos negativos? Para investigar tais questionamentos o presente trabalho buscou desenvolver quatro indicadores que avaliassem a qualidade bioclimática de um projeto de loteamento e parâmetros urbanísticos, abordando aspectos ambientais e da forma urbana, como topografia, presença de corpos d’água, tratamento das áreas verdes, traçado urbano, forma do conjunto edificado e capacidade de permeabilidade das superfícies, a fim de verificar as interferências negativas que poderiam comprometer a qualidade ambiental urbana. Como objeto empírico, foi escolhido o loteamento Convida, por se tratar um bairro planejado bastante representativo, previsto para o município do Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife. Constatou-se que o desenho urbano valoriza a qualidade bioclimática urbana através do traçado sinuoso e parcelas com tamanhos e formas diversificadas que permitem diferentes composições volumétricas e disposições distintas no lote. Desta maneira, a configuração urbana poderá favorecer a permeabilidade dos fluxos de ventos entre as edificações, além poder evitar fachadas com maiores lados para a orientação de maior incidência solar.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/14990
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Desenvolvimento Urbano

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
BORBA, A.C.B.S. ADMIRÁVEL BAIRRO PLANEJADO_DISSERTAÇÃO_UFPE 29-06 último.pdf12,24 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons