Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/1429
Title: Síntese e avaliação da atividade antiinflamatória de 5-Benzilideno-3-(4-Clorobenzil) tiazolidina-2-4-dionas
Authors: de Toni Uchôa, Flávia
Keywords: Antiinflamatórios; Bioteconogia
Issue Date: 2004
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Citation: de Toni Uchôa, Flávia; Lins Galdino, Suely. Síntese e avaliação da atividade antiinflamatória de 5-Benzilideno-3-(4-Clorobenzil) tiazolidina-2-4-dionas. 2004. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia de Produtos Bioativos, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2004.
Abstract: Os fármacos antiinflamatórios não-esteroidais são os mais utilizados no tratamento das doenças inflamatórias e estão entre os mais utilizados no mundo. A maior limitação na utilização dos antiinflamatórios não-esteroidais consiste nos seus efeitos colaterais, incluindo toxicidade gastrintestinal e renal. O mecanismo de ação desses fármacos envolve a inibição da cicloxigenase e, consequentemente, a conversão do ácido araquidônico em prostaglandinas. Atribui-se a COX-1 (isoforma constitutiva) os efeitos indesejáveis dos antiinflamatórios não-esteroidais, enquanto os efeitos antiinflamatórios são atribuídos a COX-2 (isoforma induzida). Assim, o desenolvimento de substâncias que inibam seletivamente a COX-2 poderia alcançar uma grande potência antiinflamatória, sem os negativos efeitos colaterais observados nos antiinflamatórios não-esteroidais tradicionais. As tiazolidinas constam em registros científicos como substâncias de importante atividade biológica, inclusive antiinflamatória. Tiazolidinas potencialmente antiinflamatórias com substituintes bezilidenos na posição 5 e um grupamento p-clorobenzil na posição 3 foram planejadas e sintetizadas através da rota sintética que partiu da tiazolidina-2,4-diona e do cloreto de 4-cloro-benzila, que foram reagidos em meio básico obtendo-se o composto 3- (4-cloro-benzil)-tiazolidina-2,4-diona, o qual sofreu uma reação de tionação com P2S5 formando 3- (4-cloro-benzil)-4- tioxo-tiazolidin-2-ona. Paralelamente, sintetizaram-se os ésteres 2-cianoacrilato de etila, através da reação entre aldeídos substituídos e cianoacetato de etila. Posteriormente, através de uma reação de adição de Michel, os ésteres 2- ciano acrilatos de etila foram reagidos com 3- (4-cloro-benzil)- tiazolidina-2,4-diona ou 3- (4-cloro-benzil)-4-tioxo-tiazolidin-2-ona, obtendo-se os compostos finais 5-(3-bromo-4-metóxi-benzilideno)-3-(4-clorobenzil)- tiazolidina-2,4-diona [LYS-2], 5-(1-1 -bifenil-4-il-metileno)- 3-(4-clorobenzil)- tiazolidina-2,4-diona [LYS-3], 5-(5-bromo-2-metóxi-benzilideno)- 3-(4- clorobenzil)-tiazolidina-2,4-diona [LYS-4] e 3-(4-cloro-benzil)-5-(1H-indol-3-ilmetileno)- 4-tioxo-tiazolidin-2-ona [LYS-5] que tiveram suas estruturas comprovadas através de espectroscopia de infravermelho e de ressonância magnética nuclear de hidrogênio. A atividade antiinflamatória de [LYS-2; LYS- 3; LYS-4 e LYS 5 (50 mg/Kg i.p.)] foi avaliada através do edema de pata induzido por carragenina, demonstrando atividades de 38,75; 40,64; 61,23 e 58,96%, respectivamente
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/1429
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Biotecnologia Industrial

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivo4441_1.pdf2.29 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.