Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/14101
Title: Concepções teóricas sobre a matéria: análise das bibliografias das disciplinas dos programas de pós-graduação em ciência da informação no Brasil
Authors: CÂMARA, Rafael Silva da
Keywords: Ciência da Informação;Memória;Bibliografias;Disciplinas;Ensino
Issue Date: 27-Feb-2015
Abstract: Estudo de caráter exploratório e analítico das vertentes teóricas perceptíveis nas bibliografias das disciplinas sobre memória em universo composto pelos Programas de Pós-graduação de nível acadêmico em Ciência da Informação no Brasil para identificar as concepções de memória adotadas no ensino. Define um corpus de análise constituído pelas ementas e bibliografias referenciadas nos planos de ensino das disciplinas que apresentam o uso do termo Memória em sua nomenclatura. Na metodologia, por meio de pesquisa de campo, identifica estes programas no site da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Por meio de instrumentos de organização do conhecimento e de estudos métricos, relaciona as propostas das disciplinas, analisa a tipologia material das referências bibliográficas, os periódicos referenciados e suas áreas de conhecimento. Por meio de pesquisa bibliográfica, analisa os autores recomendados e a literatura pertinente para a compreensão dos conceitos e pressupostos, necessária à análise de conteúdo fundamentada em Bardin (2011). Parte do pressuposto de que a bibliografia representa uma seleção de conteúdos registrados, cognitivos e simbólicos a partir de elementos constantes em domínios construídos historicamente e deliberadamente transmitidos pelos professores aos seus alunos, cuja organização é institucionalizada em forma de disciplinas, com a intenção de garantir ao estudante acesso ao conhecimento pertinente. Nos resultados, a pesquisa identifica uma forte influência de autores franceses nas bibliografias para o ensino da Memória. Conclui que a interdisciplinaridade do tema é perceptível nas disciplinas que discutem a memória em contextos específicos que as diferenciam. Constata que as concepções teóricas sobre a memória mais evidentes nas bibliografias selecionadas pelos professores são a memória individual, a memória coletiva e a memória social, sendo estas concepções diretamente relacionadas em seus pressupostos teóricos, e que as bibliografias indicadas pelos professores são selecionadas a partir de um repertório pessoal, mas construído coletivamente em meio à cultura, na qual se destacam autores dominantes. Essa premissa permite compreender como as indicações bibliográficas têm legitimado conteúdos, conhecimentos, autores e orientado a formação na pós-graduação sobre os aspectos constitutivos da conceituação de memória.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/14101
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Ciência da Informação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO Rafael Silva da Camara.pdf2.28 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons