Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/13873
Title: Estudo do resíduo de caulim em argamassas a base de cal quanto às suas propriedades frescas, endurecidas e microestruturais
Authors: AZERÊDO, Aline Figueirêdo Nóbrega de
Keywords: Argamassa;Metacaulim;Resíduos de caulim;Cal
Issue Date: 18-Dec-2012
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Abstract: O estudo sobre argamassas de cal-pozolana tem ganhado destaque recentemente. Dentre as diversas pozolanas existentes, o metacaulim tem se destacado como o material pozolânico mais promissor nesse tipo de argamassa. Ao mesmo tempo, algumas pesquisas têm mostrado que os resíduos provenientes da indústria de beneficiamento do caulim apresentam grande potencial pozolânico para uso em argamassas e concretos de cimento Portland. Diante deste cenário, este trabalho se propôs a estudar o uso de resíduos cauliníticos em pastas e argamassas de cal. O resíduo foi estudado de duas formas: uma parte in natura, que foi usada como agregado miúdo nas argamassas e a outra parte como pozolana, após passar por peneiramento e calcinação, obtendo então o metacaulim (MC). Neste trabalho foram estudadas pastas contendo o resíduo como pozolana (MC) e argamassas, cujo aglomerante foi composto por cal+MC e o agregado pelo resíduo in natura+areia de rio. Propriedades no estado fresco e endurecido foram avaliadas nas pastas e argamassas. No estado endurecido duas condições de cura (úmida e seca) e três idades de cura (28, 90 e 180 dias) foram consideradas. Para as pastas, foram avaliadas duas misturas cal:MC (1:1 e 1:2 proporção em massa) e uma contendo apenas cal. As pastas foram estudadas no seu estado fresco quanto às suas características reológicas medidas através de um reômetro. E no seu estado enurecido se invsetigou suas características microestruturais através das técnicas de DRX, TG/DTG e MEV. Nas argamassas se usou as mesmas misturas das pastas, adcionando o agregado, o qual foi composto por areia+resíduo in natura nas seguintes proporções 0%, 10%, 30% e 50% de resíduo in natura. As argamassas foram avaliadas no seu estado fresco quanto à sua consistência através do teste da mesa de abatimento. No seu estado endurecido, foram estudadas propriedades como resistência mecânica, absorção de água, variação de massa e densidade de massa considerando cada tipo e tempo de cura. Os resultados mostraram que as pastas, no estado fresco, apresentaram curvas de fluxo com comportamento reológico semelhante ao modelo de Herschel-Bulckley. A adição de MC na pasta de cal causou diminuição da tensão inicial de escoamento. E quanto à microestrutura, viu-se que na cura úmida, as pastas apresentaram como principal produto hidratado a stratlingita (C2ASH8), enquanto que na cura ao ar foi o monocarboaluminato (C4AC H11). O hidróxido de cálcio também foi encontrado, para todas as pastas. O consumo do hidróxido de cálcio foi mais rápido para as misturas contendo maior teor de MC e curadas em ambiente úmido. Para as argamassas, se observou que quando se substituiu parcialmente a areia de rio pelo resíduo in natura, a resistência mecânica diminuiu (em até cerca de 50%) comparando com a mistura contendo somente areia como agregado miúdo (0% de resíduo). As misturas contendo os resíduos in natura e com menor teor de MC em cura úmida apresentaram melhor desempenho no que diz respeito às propriedades endurecidas avaliadas. Na cura úmida, a maior resistência à compressão foi de 12,20 MPa aos 90 dias, enquanto que na cura ao ar esse valor foi de 6,60 MPa. Nas argamassas curadas ao ar, houve pouca variação nos resultados de suas características no estado endurecido em função da substituição parcial da areia pelo resíduo como também em função do tempo de cura. Com base nos resultados deste trabalho pode-ser dizer que esses resíduos de caulim têm potencial para serem usados em argamassas de cal, tanto in natura, como também na forma de material pozolânico.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/13873
Appears in Collections:Teses de Doutorado - Engenharia Civil

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESE Aline Figueiredo Nóbrega de Azerêdo.pdf13.61 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons