Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/13396
Title: Influência dos sistemas de cultivo intensivo e semi-intensivo e dietas nos parâmetros zootécnicos e enzimas digestivas da tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus L.)
Authors: SANTOS, Juliana Ferreira dos
Keywords: Tilápia do Nilo;Hidrolisado proteico de camarão;Enzimas digestivas;Sistema intensivo;Sistema semi-intensivo
Issue Date: 21-Feb-2013
Publisher: Universidade Federal de Pernambuco
Abstract: A tilápia do Nilo pode ser produzida em diferentes sistemas de cultivo e escalas, dentre eles os sistemas semi-intensivo em viveiros (SSI), e o intensivo em tanques-rede (SI). Seus manejos são completamente distintos, por isso o gerenciamento se faz necessário a fim de não desestabilizar parâmetros de crescimento e afetar os custos de produção, principalmente a ração, que pode chegar a representar até 80% destes custos. Para um menor gasto, ingredientes alternativos podem ser usados na elaboração das dietas, no entanto, eles devem apresentar resultados semelhantes ou melhores, quando comparados às dietas convencionais. Sendo assim, pretende-se avaliar se a inclusão de hidrolisado proteico de camarão (HPC) na dieta pode influenciar as atividades enzimáticas da tilápia do Nilo e avaliar a influência do SSI e do SI nos parâmetros de crescimento e nas enzimas digestivas deste peixe. Para avaliar a influência do HPC nas enzimas digestivas de juvenis de tilápia do Nilo, os cultivos foram realizados em aquários. O HPC foi incluído nas dietas nas concentrações de 0, 15, 30 e 60 g.kg-1 (HPC 0, 15, 30 e 60, respectivamente). Ao término dos ensaios (45 dias), o estômago e o intestino dos espécimes experimentais foram removidos para realização das análises. Para avaliação da influência do SSI e do SI sob os parâmetros de crescimento e as enzimas digestivas da tilápia do Nilo, os espécimes experimentais foram cultivados durante 90 dias. Foram adotados dois planos nutricionais: trifásico para SSI (ração com 35, 32 e 28% de proteína bruta – PB) e bifásico para SI (35 e 32% PB). Semanalmente foram realizadas coletas de fitoplâncton e zooplâncton, diariamente os principais parâmetros de qualidade de água foram mensurados e mensalmente foram realizadas biometrias para análise dos parâmetros de crescimento, ajustes na alimentação e remoção dos tecidos (intestino) para análises enzimáticas. A atividade de protease alcalina total foi significativamente maior nos tratamentos HPC15 e HPC60, no entanto, o efeito não foi dose-dependente. Zimograma revelou 12 bandas proteolíticas, oito delas responderam a incorporação do HPC. Já o zimograma de inibição indicou uma redução na atividade de três enzimas, uma diminuição na atividade da tripsina com o aumento da concentração de HPC, e o inverso com duas aminopeptidases. Com relação aos sistemas de criação o alimento natural foi mais abundante no SSI. Sobrevivência, eficiência proteica, eficiência alimentar e fator de condição com 31 dias de cultivo foram melhores no SSI. A relação pesocomprimento não foi alterada pelos sistemas. E quando comparado o peso relativo dos peixes do SSI e do SI com tilápias de outros ambientes ou cultivos, eles foram maiores em nove das 14 comparações. As enzimas digestivas também foram avaliadas no decorrer dos cultivos (31, 63 e 94 dias). Protease total, amilase e lipase não foram estatisticamente diferentes entre os tratamentos ao longo dos períodos analisados. No entanto, atividade de tripsina e quimotripsina foram maiores, com 31 e 63 dias de cultivo em peixes do SSI, sugerindo que o alimento natural pode ter influenciado essas atividades. Uma correlação positiva foi observada entre a concentração recomendada de aminoácidos essenciais para a tilápia do Nilo e atividade específica de aminopeptidase nos peixes do SI. Zimograma também revelou 12 bandas proteolíticas ativas em ambos os sistemas. Sendo que os valores de densidade integrada (DI) foram maiores nas bandas do SSI. Espécimes de ambos os sistemas exibiram cinco bandas com atividade amilolítica, com os maiores valores de DI aos 31 dias de cultivo. Os menores valores de DI foram observados com peixes do SSI, com 63 e 94 dias de cultivo. A comparação da eletroforese bidimensional do intestino de animais cultivados em SSI e SI mostraram um total de 1.233 spots, sendo 731 diferentes. Tilápia do Nilo demonstrou adaptação às dietas utilizadas e aos sistemas de cultivo empregados.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/13396
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado - Ciências Biológicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese Juliana Ferreira dos Santos final.pdf5.56 MBAdobe PDFView/Open


This item is protected by original copyright



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons