Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/13377
Título: Validação concorrente do Ages & Stages Questionnaires com o Screening Test da Bayley Scales of Infant and Toddler Development III no programa de saúde da família
Autor(es): Silva, Simone Rodrigues Pereira da
Palavras-chave: Desenvolvimento Infantil; Triagem; Pais; Estudos de validação; Atenção Primária à Saúde
Data do documento: 1-Jul-2013
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: Existe um maior interesse em avaliar o desenvolvimento neuropsicomotor das crianças, levando em consideração a importância da opinião dos pais neste acompanhamento dos seus filhos. O Ages & Stages Questionnaires 3ª Edição (ASQ-3) é um instrumento de triagem do desenvolvimento que se reporta aos pais e tem a vantagem de necessitar de menos tempo dos profissionais para aplicá-lo do que instrumentos que requerem exame direto da criança. Portanto, o presente estudo teve como objetivo realizar a validade concorrente entre os instrumentos ASQ-3 e o padrão-ouro no estudo, o Teste de Triagem da Bayley III, para avaliar o desenvolvimento neuropsicomotor das crianças atendidas no Programa de Saúde da Família. O estudo foi realizado em uma Unidade de Saúde da Família, localizada no Distrito Sanitário VI, na cidade do Recife. A amostra foi composta por 175 crianças com idade entre um e 36 meses. Foi verificada acurácia de 59,4% para a classificação geral do desenvolvimento. Foi calculada também a sensibilidade, especificidade, valor preditivo positivo e negativo do ASQ-3, agrupando cada subteste de acordo com a área do desenvolvimento da criança. A sensibilidade variou de 18,9% (cognitivo/resolução de problemas) a 47,5% (comunicação) e a especificidade de 75,9% (motricidade fina) a 91,9% (comunicação). O ASQ-3 demonstrou moderada acurácia para a classificação geral, baixa sensibilidade e alta especificidade para a classificação por domínios. Apesar da baixa sensibilidade do instrumento, recomenda-se sua utilização, pois, além da facilidade de aplicação e baixo custo, estimula o envolvimento dos pais no acompanhamento do desenvolvimento do seu filho
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/13377
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Saúde da Criança e do Adolescente

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO Simone Silva.pdf8,6 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons