Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/13351
Título: Bioprospecção de actinobactérias isoladas da rizosfera de Caesalpinia pyramidalis Tul. do bioma Caatinga
Autor(es): SILVA, Glêzia Renata da
Palavras-chave: Actinobactéria; Atividade Antimicrobiana; Fermentação; Extração líquido-líquido; Cromatografia em Camada Delgada
Data do documento: 25-Fev-2013
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Resumo: Este trabalho tem como objetivo estudar a diversidade microbiana da rizosfera de Caesalpinia pyramidalis Tul. Foram isoladas 68 linhagens, sendo 52,9% (36) na temperatura de 37°C e 47,05% (32) a 45°C. As linhagens identificadas pertencem ao gênero Streptomyces. O Teste de Difusão em Ágar das linhagens em estudo para bactérias Gram positivas, Gram negativas e fungos revelou que 11 (16%) apresentaram atividade antimicrobiana. As isoladas a 37°C, 25% (9/36), apresentaram atividade para Fusarium moniliforme, com halos de inibição entre 26 e 28 mm, e para Bacillus subtilis, Staphylococcus aureus e Staphylococcus aureus MRSA, com halos de inibição de 19 a 22 mm. Dos isolados a 45°C apenas 3 (9,4%) apresentaram halos de inibição entre 16 a 23 mm para F. moniliforme e Candida albicans. O ensaio secundário selecionou duas linhagens com atividade antimicrobiana para Gram positivas com halos de inibição de 28 mm. A linhagem mais promissora foi identificada por técnicas moleculares como Streptomyces gougerotiicom 95% de similaridade. A extração dos metabólitos bioativos da biomassa desta linhagem foi realizada com etanol e do líquido metabólico com acetato de etila. O extrato bruto etanólico apresentou CMI de 0,97 μg/mL para S. aureus MRSA e B. subtilis, enquanto o extrato bruto de acetato de etila apresentou CMI de 3,9 μg/mL para S. aureus e S. aureus MRSA. A prospecção química evidenciou presença de flavonóides, mono/sesquiterpenos, proantocianidina, triterpenos e esteróides nos extratos brutos. Deste modo, comprova-se que solos pouco férteis como o da Caatinga ocorrem micro-organismos importantes para o desenvolvimento de novos fármacos antimicrobianos.
URI: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/13351
Aparece na(s) coleção(ções):Dissertações de Mestrado - Biotecnologia Industrial

Arquivos deste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_GLÊZIA.pdf1,65 MBAdobe PDFVer/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons